Com grande atuação do jovem Paulinho, Vasco vence o Atlético-MG

A aposta na garotada deu certo, e o Vasco venceu o Atlético-MG por 2 a 1, na noite deste domingo, no estádio Independência, pelo Brasileirão, com boa atuação dos meninos, que mais uma vez deram conta do recado. Em sua primeira partida como titular, com apenas 17 anos, Paulinho deu show e foi essencial para o triunfo. O jovem mostrou personalidade e marcou dois gols, um deles um golaço. Yago descontou para os donos da casa.

Paulinho foi o primeiro jogador nascido nos anos 2000 a marcar no Campeonato Brasileiro. Além disso, ele se tornou o atleta mais jovem a marcar com a camisa do Vasco neste século.

O primeiro tempo no Horto foi movimentado. Com sangue novo na frente, o Vasco começou a partida com bastante mobilidade ofensiva com os garotos. Assim, foi o primeiro a assustar em cobrança de falta de Bruno Paulista que foi por cima.

Os meninos são sentiram a pressão da partida e tocavam bem a bola. O Atlético-MG não encontrava alguns espaços e chegava com perigo. Melhor, o Cruz-Maltino chegou ao gol aos 13 minutos. Escudero deu belo passe para Paulinho, que saiu cara a cara com o goleiro após falha da zaga. Mesmo com apenas 17 anos, o jovem teve tranquilidade para chutar com categoria e marcar.

Quando a torcida já começava a se irritar nas arquibancadas, o Galo chegou ao empate. Aos 17 minutos, Bruno Paulista saiu jogando errado, perdeu a bola na intermediária para Yago, que acertou um chutaço no ângulo de Martin Silva. A bola bateu no travessão e entrou.

Após o empate, a partida ficou bastante equilibrada, com o Vasco tendo um pouco de dificuldades para sair jogando. Depois, o Cruz-Maltino voltou a se tranquilizar ser um pouco melhor.

O Atlético-MG voltou pressionando mais na segunda etapa. Rafael Moura quase virou, mas Martin Silva jogou para escanteio. Na cobrança, Jesiel cabeceou e a bola passou perto do gol.

Encurralado, o Cruz-Maltino passou a apostar nos contra-ataques e foi assim que chegou ao segundo gol. Guilherme Costa saiu em velocidade pela ponta direita e rolou para Paulinho na entrada da área. O jovem limpou o zagueiro e

chutou no ângulo. Um golaço!

Atrás no placar, o Atlético-MG foi para o abafa e passou a ocupar mais o campo de ataque. Porém, apostou muito em jogadas aéreas e chutes de longe. Já o Cruz-Maltino seguiu com sua estratégia e assustava nos contra-ataques. Assim, quase chegou ao terceiro gol algumas vezes. Porém, o placar seguiu o mesmo.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-MG 1 X 2 VASCO

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data/hora: 23/7/2017, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Raphael Claus (SP)

Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)

?Público/renda: 12.497 torcedores/ R$ 312.236,00

Cartões amarelos: Yago, Alex Silva, Otero, Marlone, Matheus Mancini (Atlético-MG), Escudero, Jomar, Bruno Paulista (Vasco)

Cartões vermelhos: -

Gols: Paulinho (13'/1ºT) (0-1), Yago (17'/1ºT) (1-1), Paulinho (22'/2ºT) (2-1)

ATLÉTICO-MG: Giovanni, Alex Silva, Jesiel, Matheus Mancini e Fábio Santos; Rafael Carioca e Yago; Marlone, Otero (Luan, aos 19'/2º) e Robinho (Cazares - intervalo); Fred (Rafael Moura, aos 11'/1ºT). Técnico: Diogo Giacomini

VASCO: Martin Silva, Gilberto, Rafael Marques, Paulão (Jomar, aos 21'/1ºT) e Ramon; Jean e Bruno Paulista (Wellington, aos 19'/2ºT); Paulinho, Mateus Vital e Escudero (Guilherme Costa, aos 10'/1ºT); Paulo Vitor. Técnico Milton Mendes

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos