Fifa: testes antidoping na Copa das Confederações deram negativo

A Fifa informou nesta segunda-feira que não houve resultado positivo para os testes de antidoping durante a Copa das Confederações. A entidade revelou que foram realizadas 379 provas e 854 amostras, entre elas 362 de urina, 244 de sangue e 248 de soro.

As análises foram feitas por laboratórios credenciados pela Agência Mundial Antidopagem (Wada). A maioria delas foram na cidade de Lausanne, na Suíça.

- Todos os jogadores participantes foram testados através de sangue e urina em controles inesperados e, além disso, dois jogadores por equipe foram testados pela FIFA após cada uma das 16 partidas da competição - anunciou a Fifa, por meio de um comunicado oficial.

A entidade máxima do futebol afirmou ainda que segue investigando as alegações de que jogadores estavam entre os nomes russos envolvidos em um esquema de doping patrocinado pelo governo.

A Alemanha terminou como campeã da Copa das Confederações após bater o Chile por 1 a 0 na decisão. Em terceiro ficou Portugal, que fez 2 a 1 no México.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos