Fazenda de Ricardo Teixeira é invadida por integrantes do MST

O ex-cartola Ricardo Teixeira foi um dos alvos de manifestações do Movimento dos Sem-Terra na manhã desta terça-feira. Um grupo de cerca de 300 famílias do movimento ocupou a fazenda Santa Rosa, de propriedade do ex-presidente da CBF localizada em Piraí, na região Sul do Rio de Janeiro.

De acordo com informações divulgadas pelo próprio grupo em nota, a invasão é uma das que ocorrem nesta manhã áreas de pessoas ligadas a esquema de corrupção. O MST dispara críticas a Ricardo Teixeira:

"Ricardo Teixeira não só desencadeou todo um sistema de estelionato sobre o futebol e lavagem de dinheiro no Brasil, segundo estimam procuradores do Ministério Público Federal, como sua expertise em corrupção no futebol é pauta do FBI e da polícia Espanhola. Muitas destas lavagens de dinheiro passam pelo contexto da aquisição e valorização especulativa de grandes extensões de terras".

Segundo informações que o jornal "O Globo" divulgou em 2015, a fazenda Santa Rosa tem 920 mil metros quadrados, e criava 500 cabeças de gado. A Justiça da Espanha enviou ordem de prisão contra Teixeira para a Procuradoria-Geral da República na semana passada, sob acusação de formar uma "organização criminosa" que teria desviado milhões de euros da Seleção Brasileira e da CBF.

Também pesam contra Ricardo Teixeira acusações de lavagem de dinheiro em esquema com o ex-presidente do Barcelona ex-diretor da fornecedora Nike, Sandro Rosell. Além disto, o ex-dirigente é acusado de envolvimento em um esquema de corrupção da Fifa.

MST REALIZA OUTRAS INVASÕES NESTA TERÇA-FEIRA

As invasões do Movimento dos Sem-Terra nesta manhã aconteceram também em outras propriedades de pessoas acusadas em envolvimento de corrupção. O coronel João Baptista Lima, amigo do presidente Michel Temer, o ministro da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento, Blairo Maggi, e o senador Ciro Nogueira (PP-PI) tiveram suas fazendas invadidas.

"Os latifundiários que possuem estas áreas são acusados, no cumprimento de função pública, de atos de corrupção, como lavagem de dinheiro, favorecimento ilícito, estelionato e outros".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos