Corinthians tem alvos na zaga, mas enfrenta obstáculos: lesão, valores...

Em busca de um novo reforço para a zaga em razão da limitação de três opções no setor pelo prazo de pelo menos um mês e meio, o Corinthians autorizou intermediários e representantes a iniciar conversas com alguns nomes bem avaliados pela comissão técnica para tomar conhecimento de informações sobre valores, tempos e detalhes contratuais destes jogadores em seus clubes.

Ao menos quatro zagueiros em atividade na Série B do Brasileirão foram consultados: Ruan, do Juventude, Eduardo Brock, do Paraná, Messias, do América-MG, e Ernando, do Internacional. Outros, como Lucão, do São Paulo, foram oferecidos e rejeitados de imediato pelo clube. Não há um alvo definido no momento, mas o perfil procurado é de um jogador com menos de 30 anos, potencial de evolução, baixo custo e que atue no Brasil.

Entre os quatro nomes, o mais bem avaliado tecnicamente é o de Ruan, do Juventude. O zagueiro de 23 anos chama atenção pela qualidade na saída de bola e pelo jogo aéreo, mas um problema inesperado pode atrapalhar o interesse do Corinthians: o jogador saiu lesionado de jogo no último sábado e recebeu diagnóstico de lesão grau dois na coxa direita nesta quarta-feira. Ele faz tratamento em dois períodos, mas ficará pelo menos 20 dias fora dos gramados. Como o Timão tem pressa, a busca deve esfriar.

Ruan é do Guaratinguetá e está emprestado ao Juventude até o fim do ano. Os dois clubes dividem os direitos econômicos do jogador, que subiu da Série C para a Série B com o clube gaúcho e agora briga pelo acesso à elite do Brasileirão. Tanto Corinthians quanto o estafe do zagueiro negam haver conversas em andamento sobre a transferência.

Eduardo Brock - Zagueiro de 26 anos é o jogador que mais atuou pelo Paraná em 2017, com 33 partidas, sempre como titular, e dois gols marcados. O clube paranaense tem 100% dos direitos econômicos do jogador e contrato somente até 30 de novembro, o que indica a possibilidade de assinatura de pré-contrato com qualquer clube.

Em contato com a reportagem, o empresário de Eduardo Brock, Luciano Jorge Dias, confirmou a existência de uma sondagem do Corinthians sobre a situação do jogador, mas sem apresentação de proposta oficial.

Messias - Aos 22 anos, é destaque da Série B pelo líder América-MG. Bem avaliado pelo Corinthians, é o jogador mais assediado pelo mercado entre os alvos do Corinthians, com cláusula de liberação avaliada em 1,5 milhão de euros (R$ 5,5 milhões). O clube mineiro tem 70% dos direitos econômicos e empresários detêm o restante, mas todas as partes acreditam que negociá-lo neste momento é queimar etapas no processo de evolução de Messias.

O zagueiro tem contrato com o América-MG até o fim de 2018 e é um negócio visto como improvável pelo Timão no momento.

Ernando - Fora do time titular do Internacional na Série B do Brasileirão, o zagueiro de 29 anos já interessou ao Corinthians no passado, mas na ocasião não houve acordo. Desta vez ele quem foi oferecido e agora passa a ser um nome de possível investida do Timão. O contrato no Colorado, onde ele joga desde 2014, vai até o fim de 2019, e a necessidade de compensação financeira para quebrar o vínculo pode se tornar um obstáculo.

Outros nomes

Emerson Santos, do Botafogo, foi consultado, mas as conversas não avançaram porque o objetivo do jogador é atuar fora do Brasil em 2018. Lucão, do São Paulo, foi oferecido, mas o Corinthians não demonstrou interesse. Outros jogadores também são cotados, mas não há nenhuma negociação encaminhada até o momento.

* Colaborou Guilherme Moreira

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos