Corinthians inglês "adota" Kazim e começa a vender produtos no Brasil

  • Divulgação

Histórico clube de futebol inglês que inspirou a criação e o nome do "filho" brasileiro, o Corinthians-Casuals iniciou sua venda de produtos do país por meio da loja Poderoso Timão da Arena Corinthians. O estande montado no estabelecimento de comercialização de produtos oficiais do clube despertou curiosidade de diversos torcedores nesta quarta-feira, data da vitória por 2 a 0 diante do Patriotas (COL) que selou a classificação alvinegra para as oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Curiosamente, o primeiro jogador inglês da história do Corinthians brasileiro fez um de seus únicos sete jogos como titular da equipe contra os colombianos. Kazim, inglês naturalizado turco, foi "adotado" pelo Corinthian-Casuals, como explica o ex-jogador e hoje diretor comercial do clube inglês, Chris Watney.

"Nós achamos muito empolgante e diferente ter um jogador inglês no Corinthians. Para ele, é a oportunidade de jogar em um clube maravilhoso. Ainda que ele não seja o primeiro inglês... ou você não se lembra do Jamie Byatt, em janeiro de 2015 (risos)?", questiona, ao LANCE!, o dirigente, fazendo lembrança ao jogador que trocou camisas com Danilo no amistoso de janeiro de 2015, e satisfeito pelo estreitamento dos laços.

"É uma história bonita que o Corinthians tem, de estar conectado a um clube que foi um dos melhores do mundo há cem anos. O Corinthians deveria, e eu sei que é, orgulhoso por sua história e suas origens. E nós estamos orgulhosos que eles mantiveram o nome Corinthians vivo no topo do esporte. Temos uma ótima relação, desde que viemos para o amistoso em 2015, e agora o Corinthians nos ajudou a fechar um acordo com a Netshoes que nos permitirá vender camisetas e produtos pela primeira vez no Brasil. Estamos muito empolgados sobre isso", relata Watney.

O plano do Corinthian-Casuals é voltar ao Brasil em 2018. O clube está produzindo um filme chamado "Vai Corinthians - Brothers in Football" e planeja lançá-lo no país próximo da data em que se completam 30 anos do amistoso em que o ídolo brasileiro Sócrates vestiu a camisa do clube inglês.

Já sobre Kazim, titular diante do Patriotas, mas que não conseguiu nem sequer finalizar uma bola em direção ao gol, o dirigente do clube inglês admitiu não ter conhecimento profundo, mas confia no seu potencial de evolução.

"Foi uma transferência exótica. Kazim não é um nome que os fãs de futebol ingleses conhecem tão bem. Ele rodou por muitos clubes e jogou mais fora da Inglaterra do que aqui. Mas ele é um bom jogador, venceu competições na Grécia, na Turquia, até jogou pela seleção da Turquia. Então obviamente tem qualidades, e nós esperamos que ele ajude o Corinthians a vencer suas competições", disse.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos