Perto da volta ao Corinthians, meia Danilo completa um ano sem jogar

Há exatamente um ano, no dia 31 de julho de 2016, Danilo entrava pela última vez em campo com a camisa do Corinthians. A partida contra o Internacional, pelo Brasileirão foi a derradeira antes de lesão que o deixou fora de combate até o momento e quase o tirou de vez dos gramados.

Um mês depois do duelo contra o Inter, em treino fechado comandado pelo técnico Cristóvão Borges, um lance despretensioso causou fraturas em dois ossos da perna direita e fez o jogador ser retirado de ambulância do CT Joaquim Grava. De acordo com Joaquim Grava, consultor do departamento médico do clube, Danilo correu risco de amputação do membro, mas o tratamento convencional surtiu efeito.

Em atividade no CT, o meia ainda superou uma lesão muscular na panturrilha esquerda ocasionada pelo longo tempo sem atuar e treina sem restrições há três semanas. Ele fez um jogo-treino no início do mês e se mostra cada vez mais confortável sobre o retorno aos jogos.

Aos 38 anos, o meia Danilo foi relacionado novamente no último domingo. O camisa 20 ficou no banco de reservas no empate em 1 a 1 com o Flamengo, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro. De acordo com o técnico Fábio Carille, não havia chance de o meia entrar em campo, já que a ideia era que ele sentisse o calor do jogo.

A expectativa é de que o mesmo ocorra na próxima quarta-feira, contra o Atlético-MG, às 21h, no Mineirão, pela 18ª Rodada do Brasileirão-2017.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos