Apostando na garotada, Milton Mendes busca equilíbrio no Vasco

A aposta do Vasco nas últimas rodadas do Brasileirão vem sendo na garotada. Contra o Atlético-MG, o time conseguiu boa vitória fora por 2 a 1, enquanto perdeu por 1 a 0 em casa para o Atlético-PR, na última segunda. No entanto, o discurso no clube é que essa oscilação é normal, já que a equipe é muito jovem. Assim, a ordem é buscar o equilíbrio e passar tranquilidade para os meninos evoluírem durante a competição.

- Se você for olhar bem, todos são muito meninos. Não é porque ganhamos nos últimos dias que somos os melhores do mundo e não é porque perdemos que somos os piores. Nós sabemos do equilíbrio, sabemos nossa batalha qual é, a dificuldade que é o Campeonato Brasileiro. Nossos jovens estão de parabéns, porque lutaram e trabalharam. A mescla faz com que a gente consiga um equilíbrio. Agora é passar tranquilidade aos jogadores. O futuro será muito bom com esses meninos, porque eles têm muita qualidade. Não há o que reclamar de entrega, de voluntariedade - disse o técnico Milton Mendes.

Contra o time paranaense, o treinador apostou em um setor ofensivo ainda mais jovem, com Guilherme Costa no lugar de Escudero. Com isso, o Cruz-Maltino começou a partida apostando na velocidade e marcando muito. No entanto, a equipe encontrou dificuldades contra um adversário bem fechado e dando poucos espaços. Faltou aos meninos calma para cadenciar o jogo e furar a retranca do Furacão.

- O Atlético-PR estava dificultando muito o nosso jogo, porque nossa equipe é de transição e quando o adversário joga atrás da linha da bola dificulta um pouco. Eu assumo inteiramente a responsabilidade. Os jogadores trabalharam e tentaram. Não se pode ter todas as coisas, o cara ter muita qualidade, vontade e calma sendo novo, só acima da média. Então, a gente opta por algumas coisas - comentou Milton, destacando que sua decisão foi para dar mais maturidade aos meninos e já pensando no jogo contra o Cruzeiro.

- Optei manter a mesma base que ganhou do Atlético-MG para a equipe ganhar maturidade, desenvoltura e até porque sabia que eles viriam assim, atrás da linha da bola, o que vai ser diferente contra o Cruzeiro, que deve propor mais o jogo. Então preparei o time já pensando nos dois jogos - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos