CBF não autoriza o Vasco a mandar jogos fora do estado do Rio de Janeiro

A CBF não autorizou o Vasco a mandar jogos fora do estado do Rio de Janeiro enquanto cumpre punição e não pode usar São Januário por conta das cenas de violência após o clássico contra o Flamengo, pelo Brasileirão. O Cruz-Maltino via uma brecha no Regulamento Geral de Competições da CBF, mas a entidade não atendeu a solicitação.

A entidade ratificou a decisão que os clubes tomaram no início deste ano de proibir a venda de mandos para estádios de outros estados. Ao todo, 14 clubes votaram sobre a medida, sendo oito a favor e seis contra.

Sendo assim, o Cruz-Maltino deve continuar mandando as suas partidas em Volta Redonda. A diretoria classificou como satisfatório o público de quase nove mil pessoas na partida contra o Atlético-PR. O gramado não estava em boas condições, mas o Vasco já contratou uma empresa para melhorar a questão.

O Vasco foi punido pelo STJD com a perda de seis mandos de campo por conta das confusões contra o Flamengo. Além disso, São Januário foi interditado por 180 dias pelo Ministério Público do Rio de Janeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos