Réver lamenta gol anulado: 'O árbitro de fora disse que foi gol'

Após a derrota de 3 a 2 para o Santos, no Pacaembu, o zagueiro Réver falou sobre o lance do gol marcado por ele, mas que foi anulado. A bola bateu na mão do defensor rubro-negro, e o árbitro Eduardo Tomaz Valadão (GO) decidiu invalidar a jogada. Na saída do campo, o capitão evitou reclamar da arbitragem, mas disse que o assistente atrás do gol poderia ter sido consultado.

"Aqui quem manda é o árbitro. O árbitro de fora disse que foi gol, mas o árbitro está de parabéns, porque nem tudo eles vão acertar. Hoje saímos com a derrota. O árbitro disse que a bola bateu na minha mão, mas o assistente poderia ter sido consultado. Agora já foi, não tem como voltar atrás. Agora temos que buscar a vitória em casa", disse o defensor ao Premiere.

Na Copa do Brasil, o segundo jogo entre Santos e Flamengo também teve polêmicas com a arbitragem. O Peixei reclamou de interferência externa, mas não mostrou provas.

O Flamengo permaneceu na quinta colocação do Campeonato Brasileiro, com 29 pontos, 15 a menos do que o líder Corinthians, cada vez mais distante na ponta. No próximo domingo, o Rubro-Negro recebe o Vitória na Ilha do Urubu.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos