Com 14 anos de Japão, treinador comanda intercâmbio no Mirassol

Foram 14 anos no Japão, de 1998 à 2012, experiência essa que credenciou o técnico Cesaretti Moreira a ser tutor. O objetivo: ser figura importante do processo de intercâmbio dos atletas japoneses do Avispa Fukuoka na equipe do Mirassol. Processo que vai durar quase um mês, até o dia 15 de agosto. O treinador fala de seu papel nessa troca de conhecimentos.

- Um grupo de jogadores do Avispa Fukuoka vieram ao Brasil passar por um período de aprendizagem e adaptação ao futebol brasileiro. Este intercâmbio, é um trabalho muito interessante, onde todos, inclusive nós sempre acabamos aprendendo algo novo. Importante agradecer ao Mirassol por abrir as portas à este projeto - afirma Moreira.

Moreira também falou sobre a programação dos treinamentos no interior de São Paulo.

- Serão 15 dias de treinamentos, jogos coletivos, alguns passeios culturais, todos com a participação efetiva de todo staff da base do clube. Trocar experiências é de fato algo enriquecedor.

Com tanta bagagem no mundo oriental, Cesaretti abordou o que aprendeu com essa cultura e que pode ajudar no Brasil.

- Muitas coisas. Uma das quais é: Nunca achar q sabe o suficiente, e este fato te obriga sempre à estar estudando, reciclando. Aprendi e vivenciei que o esporte é apenas um segmento na sociedade q pode levar à sua realização profissional, portanto o fair play é absolutamente importante. Aprendi que a vida pode ser vivida com absoluta alegria quando você escolheu para trabalhar fazer o que ama - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos