Mayke e Guerra são dúvidas, e Cuca planeja Moisés reserva na quarta

Derrotado por 1 a 0 pelo Atlético-PR neste domingo, o Palmeiras inicia a preparação para o jogo de volta contra o Barcelona de Guayaquil (ECU), pelas oitavas de final da Libertadores, com duas dúvidas: o lateral-direito Mayke e o meia Alejandro Guerra. Moisés, que voltou a jogar neste domingo após se recuperar de grave lesão no joelho, será reserva.

Mayke torceu o tornozelo durante um treino e ainda terá sua condição reavaliada.

- O Mayke teve uma torção no pé. Vamos ver amanhã se tem real condição de jogar. Se não tiver, temos Jean, Fabiano, Tchê Tchê... O time deles tem dois extremas muito rápidos. Isso tudo vamos ver amanhã - disse Cuca.

Guerra, por sua vez, se recupera de dores no adutor da coxa direita. A preocupação é de que ele não suporte os 90 minutos. Se a opção for deixá-lo fora, Keno é quem deve entrar, fazendo com que Dudu atue como meia centralizado. O time foi escalado assim na vitória por 2 a 1 sobre o Botafogo, na quarta-feira. Keno ficou no banco contra o Atlético-PR e nem entrou. Moisés, a princípio, não é candidato a esta vaga.

- Moisés não tem condição de tempo inteiro. Hoje queria utilizar meia hora e acabei passando um pouquinho. Agora ele tem que recuperar bem para ter condição de nos ajudar na quarta-feira mais um tanto - explicou Cuca.

O Palmeiras inicia a concentração no Hotel Bourbon, em Atibaia, na noite deste domingo. Na segunda-feira, haverá treino em dois períodos no local. Na terça, a atividade será na Academia de Futebol. O jogo contra os equatorianos será às 21h45 de quarta-feira, no Allianz Parque. Na ida, o Verdão perdeu por 1 a 0.

A provável escalação tem Jailson, Mayke (Jean), Mina, Luan e Egídio; Thiago Santos, Bruno Henrique e Guerra (Keno); Róger Guedes, Dudu e Deyverson.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos