Ironia? Zé cai justamente após barrar Márcio Araújo no Flamengo

  • Gilvan de Souza/ Flamengo

Criticado por boa parte da torcida do Flamengo por manter o volante Márcio Araújo no time titular durante um bom tempo, o técnico Zé Ricardo deixou o comando da equipe justamente quando barrou o camisa 8. Na partida contra o Vitória, pelo Campeonato Brasileiro, o treinador optou por uma formação muito ofensiva, somente com Arão como cabeça de área.

Zé Ricardo costumava defender Márcio Araújo nas entrevistas e dizia que o volante tinha um papel tático muito importante. O treinador também recebeu muitas críticas por optar por Rafael Vaz no período em que esteve à frente do time, desde maio do ano passado.

O ex-treinador do Flamengo vai se posicionar oficialmente após a saída do clube nesta segunda-feira, num comunicado que será enviado pela sua assessoria de imprensa.

Efetivado em julho do ano passado, o treinador comandou o time da Gávea em 89 partidas, sendo 47 vitórias 25 empates e 17 derrotas, quatro delas no Campeonato Brasileiro. Ele conquistou o Carioca deste ano, mas amargou resultados ruins, como a eliminação precoce na Libertadores da América. O auxiliar técnico Cleber dos Santos também foi desligado do clube.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos