STJD considera jogo com portões fechados em pena do Vasco

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) decidiu acatar recurso do Vasco e considerou o jogo contra o Santos, disputado no Nilton Santos com portões fechados no mês passado, como parte da pena de perda de seis mandos de campo imposta ao Cruz-Maltino pelas confusões em São Januário no clássico com o Flamengo. A decisão foi publicada em despacho do presidente do Tribunal, Ronaldo Botelho Piacente.

Com isso, pela decisão em primeira instância, o Vasco já cumpriu três perdas de mando - além desse jogo sem público com o Santos, as partidas diante do Atlético-PR e do Cruzeiro foram disputadas em Volta Redonda. Mas vale lembrar que este número da pena pode sofrer alteração. Às 11h de quinta-feira, o Pleno do STJD julgará os recursos da Procuradoria e do próprio Cruz-Maltino no caso. Enquanto os procuradores defendem uma pena de até 25 jogos, o clube espera a redução.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos