Zeca alerta para crescimento do Atlético-PR e quer Santos 'com raça'

O Atlético-PR perdeu o jogo de da por 3 a 2, em Curitiba, e precisa vencer o Santos por dois ou mais gols de diferença, ou então por um, desde que marque ao menos quatro gols (4 a 3 ou 5 a 4, por exemplo) para se classificar para as oitavas de final da Libertadores. Caso devolva o 3 a 2, a disputa será nos pênaltis e qualquer empate levará o Peixe às quartas. No entanto, o Furacão evoluiu desde o último confronto e já preocupa o Alvinegro.

Para o duelo de quinta-feira, às 21h45, na Vila Belmiro, o lateral-esquerdo santista Zeca faz um alerta para o crescimento do Atlético-PR. O Furacão venceu os últimos três jogos do Brasileirão, sendo dois fora de casa. O último foi o Palmeiras, no Allianz Parque.

- Eu ainda não sei o que vai ser preparado pelo professor, mas o time está bem, empenhado, focado. O que o professor pedir, todo mundo vai acatar com amor e carinho. Está sendo realizado um grande trabalho, respeitamos o adversário. Eles ganharam fora de casa contra o Palmeiras, precisamos ficar muito atentos. Queremos algo grande e nós somos grandes. Temos que jogar o nosso futebol com raça e amor ao clube - comentou o camisa 37.

Recuperado de lesão na coxa esquerda, Zeca voltou a iniciar uma partida no último domingo, no empate sem gols com o Avaí.

- Não senti nenhuma dor. Agradeço a Deus e a todos fisioterapeutas do clube, que me ajudaram muito. O jogo (contra o Avaí) foi bom, tivemos chance de matar a partida. O time deles também foi bem, utilizando bons contra-ataques. Não perdemos, conquistamos um ponto fora de casa. Agora é focar na Libertadores - ressaltou.

Com quatro vitórias e três empates, o Santos é o único invicto da Libertadores.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos