Leo incentiva Dedé e crê em retorno do companheiro de zaga

A notícia da parada por tempo indeterminado de Dedé fez o companheiro Leo se solidarizar com a dor do amigo e ter uma conversa de incentivo com o camisa 26. Em entrevista coletiva nesta quarta-feira, Leo destacou a falta que Dedé faz ao elenco e se colocou à disposição para ajudar:

- O jogador se abate. É natural. Às vezes o jogador planeja uma coisa, planeja em voltar a fazer atividades, a fazer o que mais gosta, e aí é meio que impossibilitado por uma situação que não depende dele. Essa questão do Dedé a gente conversou, a gente pôde trocar uma ideia para espairecer e aliviar, até mesmo falar de algumas coisas que ele está sentindo. A gente conversou seriamente assim. Disse que podemos ajudar de todas as maneiras - comentou Leo.

- É um período em que tem de ter paciência e tranquilidade. Mas com certeza ele superará isso, com certeza ele vai sair dessa. É um grande cara, um grande jogador, uma grande pessoa também. A gente torce muito para que ele reverta esse quadro e saia dessa situação. Que ele melhore rápido para nos ajudar bastante. É um jogador muito... a gente até se emociona, porque a conversa que tive com ele foi muito legal... é um jogador de muita qualidade que fará muita falta, pois agrega muito à nossa equipe - completou o zagueiro, que foi campeão brasileiro em 2013 e 2014 atuando ao lado de Dedé.

Drama de Dedé

O drama de Dedé começou no final de 2014, em uma empate em 3 a 3 com o Santos, na Vila Belmiro, pela semifinal da Copa do Brasil. Retornou em janeiro de 2016, fez apenas seis jogos, mas sofreu uma fratura na patela do joelho direito e ficou fora por um ano e 22 dias. Ele voltou a atuar em março de 2017, fez sete jogos e sofreu um edema ósseo no outro joelho esquerdo, que não evolui.

No 1° deste mês, o zagueiro discutiu com torcedores na rede social, que o acusam de 'corpo mole'.

- Só quero deixar bem claro que não estou e nem nunca fui acomodado. Infelizmente veio esta lesão em um retorno onde estava me sentindo tão bem jogando. Cada dia que estava treinando eu achava que nunca mais teria uma lesão, mas infelizmente tive e está sendo muito difícil para mim. Estou tentando voltar - publicou o defensor do Cruzeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos