Renato esquece vantagem do Santos e ressalta 'espírito' da Libertadores

Mesmo com o Santos invicto há 11 jogos, para Renato não tem nada decidido. Para o volante pouco importa a vantagem, ele preferiu ressaltar nesta quarta-feira o "espírito" da Libertadores e do jogo contra o Atlético-PR, que ocorrerá nesta quinta-feira, às 21h45, na Vila Belmiro, pelo jogo de volta das oitavas de final do campeonato Continental.

- Tem que manter o nível e a intensidade. O espírito é de Libertadores. O jogo vai ser complicado apesar da vantagem. Não tem nada decidido - explicou.

Depois de sofrer dores fortes na coxa direita contra o Avaí, em que o Peixe empatou por 0 a 0, o camisa 8 se tornou dúvida para o duelo desta quinta. Porém, ele garantiu que se sente melhor.

- Estou bem melhor do que quando acabou a partida. Sentia muitas dores. Nesse tempo, fizemos tratamento e fisioterapia e hoje estou bem. Vou treinar para ver se sinto algo e se tenho condições de jogo - concluiu.

A atividade desta quarta irá definir se Renato irá ou não ser titular contra o Furacão. Caso ele não sinta dificuldades ou indisposição o Santos pode ir a campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Renato, Yuri e Lucas Lima; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

O Alvinegro venceu o jogo de ida por 3 a 2 em Curitiba. Para se classificar, o Atlético-PR terá que vencer por dois ou mais gols de diferença, ou então por um, desde que marque ao menos quatro gols (4 a 3 ou 5 a 4, por exemplo). Caso devolva o 3 a 2, a disputa será nos pênaltis e qualquer empate levará o Santos às quartas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos