'Com convocação, Tite mostra que tem a base da Seleção para disputar a Copa', dizem especialistas

A lista de convocados de Tite para a Seleção Brasileira que enfrentará Equador, em 31 de agosto, e Colômbia, em 5 de setembro, trouxe a impressão de que a equipe canarinho não está com a cabeça voltada apenas para cumprir tabela no restante das Eliminatórias da Copa do Mundo. Especialistas do LANCE! apontaram que os 23 nomes anunciados nesta quinta-feira apontaram a busca por uma base sólida para o Mundial-2018:

- A lista do Tite, como de costume, bem equilibrada e coerente com o trabalho que vem sendo desempenhado por ele.A base está mantida e a cada relação nova fica a certeza de que o funil para quem pretende jogar a Copa de 2018 e está de fora fica cada vez mais fino - afirmou Eduardo Mansell, editor do L!.

Aos olhos do colunista Eduardo Tironi, a falta de novidades é plausível para o atual momento do futebol nacional:

- Os nomes convocados estão na lista da maioria. E Tite já tem a base que pretende disputar a Copa do Mundo.

A única presença que surpreendeu, o goleiro Cássio, que atualmente está no Corinthians, rendeu controvérsias entre os colunistas:

- A grande novidade de fato foi a volta de Cássio. À exceção dele e de Luan, Tite não trouxe nada de diferente. Mas Vanderlei merecia uma chance na meta. Creio que hoje está em melhor momento do que Cássio e, inclusive, é mais exigido do que o goleiro do Corinthians - disse Eduardo Tironi.

O colunista do LANCE!, João Carlos Assumpção, apontou espaço para os dois goleiros:

- Temos de contar com Cássio e Vanderlei, que estão jogando muita bola.

No entanto, Assumpção faz ressalvas em outros setores:

- A defesa está razoável. Rodrigo Caio é abaixo da média, e Thiago Silva não tem equilíbrio emocional para uma Seleção. No ataque, seria bom dar uma chance ao Jô.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos