Santos tem estreia de Nilmar, mas não sai do 0 a 0 diante do Coritiba

Na disputa pelos três pontos e novas posições na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, Santos e Coritiba empataram em 0 a 0 no estádio Couto Pereira, neste domingo. Apesar do ritmo intenso de ambas as equipes e da esperada estreia do atacante Nilmar, o Peixe perdeu a chance de encostar no Grêmio e o Coxa, por sua vez, se aproxima da zona de rebaixamento.

O árbitro Sandro Meira Ricci apitou, mas pareceu que apenas o Coritiba ouviu. Em um ritmo intenso, o Coxa marcou alto, pressionou e finalizou três vezes em apenas um minuto e meio. Não levou perigo ao goleiro Vanderlei, mas deu trabalho para Lucas Veríssimo e David Braz.

Não demorou para o Santos acertar o passe e devolver na mesma moeda. Com um time sólido, insistiu no contra-ataque e por pouco não balançou a rede alviverde. Pela direita, Bruno Henrique avançou e encontrou Kayke. Ele até tentou cruzar, mas foi impedido pela zaga, que nem sequer permitiu que a bola chegasse ao camisa 11.

Mas a dupla insistiu. Em um tiro de meta de Vanderlei, Bruno desviou pelo alto e fez com que a bola chegasse a Kayke, que dominou e bateu cruzado, mas apesar da precisão, a bola rolou para fora.

Os times voltaram sem novidades para o segundo tempo, mas desgastados por conta da chuva forte e contínua, e dos 12 graus que fazia em Curitiba.

O Coxa não mudou a postura do primeiro tempo, tanto que aos seis minutos assustou a defesa santista. Iago Dias recebeu e bateu forte, no ângulo, mas Vanderlei se esticou inteiro e buscou em uma bela defesa.

Em uma disputa forte, o Peixe levou a melhor e conseguiu controlar melhor a partida a partir daquele lance. Com tranquilidade na defesa e um meio-campo bem articulado, sofreu apenas com o ataque, que simplesmente não encaixava. Lucas Lima se destacou pela criação e bons passes, mas Copete não estava em uma boa noite e mais errou do que acertou, enquanto Kayke insistia na finalização, sem sucesso, e Bruno Henrique não brilhou como de costume.

Em meio a tantas chances, o técnico Levir Culpi apostou na estreia de Nilmar para tentar uma arrancada e abrir o placar. Aos 21 minutos, com o gramado encharcado e ambos os times cansados, o atleta entrou em campo pela primeira vez.

Mas a entrada do jogador de 33 anos não foi o suficiente e 13 minutos mais tarde o Alviverde conseguiu sua maior chance. Alan Santos ficou com a sobra e arriscou um chute de longe, que acertou a trave esquerda de Vanderlei. A bola sobrou para o ex-santista Neto Berola, que cruzou, mas não encontrou ninguém.

Após isso, o Coritiba cresceu na partida e seguiu na busca pelo gol, mas não obteve sucesso e encerrou a partida no 0 a 0.

O próximo desafio do Coxa no Campeonato Brasileiro será na segunda-feira da próxima semana, contra o Vitória, no estádio Couto Pereira, às 20h, enquanto o Peixe enfrentará o Cruzeiro no domingo, no Mineirão, às 19h.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA 0 x 0 SANTOS

Local: Couto Pereira, em Curitiba (PR)

Data-Hora: 20/8/2017 - 19h

Árbitro: Sandro Meira Ricci (Fifa-SC)

Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho e Marcelo Carvalho Van Gasse (ambos de SP)

Público/renda: 9.262 pagantes/R$ 186.685,00

Cartões amarelos: Márcio, Matheus Galdezani, Neto Berola (COR), Lucas Lima (SAN)

Cartões vermelhos: -

Gols: -

CORITIBA: Wilson; Léo, Márcio, Walisson Maia e William Matheus; João Paulo, Matheus Galdezani (Neto Berola, aos 23/2ºT), Alan Santos e Carleto (Filigrana, aos 33/2ºT); Iago Dias (Anderson, aos 19/2ºT) e Alecsandro. Técnico: Marcelo Oliveira.

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Léo Cittadini e Lucas Lima; Copete, Bruno Henrique e Kayke (Nilmar, aos 21/2ºT). Técnico: Levir Culpi.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos