ATUAÇÕES: Coutinho 'muda a cara' da Seleção em vitória sobre Equador

Depois de um primeiro tempo sofrível, com raras chances de gol, a Seleção Brasileira teve outra postura na segunda etapa e derrotou o Equador por 2 a 0, na Arena do Grêmio. E o principal responsável por isso foi Philippe Coutinho, que entrou no lugar de Renato Augusto e deu outra dinâmica à equipe. De quebra, ele fez o segundo gol da partida. Confira as notas:

BRASIL

6,0

Alisson

Tirando uma saída em bola alta no primeiro tempo e uma trombada com Miranda, só assistiu ao jogo.

6,0

Daniel Alves

Não teve tanta liberdade para apoiar no primeiro tempo. Espaço veio na etapa final. Fez algumas faltas bobas na lateral. Jogo razoável.

6,5

Marquinhos

Muito bem no posicionamento, não dando chance às bolas longas dos equatorianos.

6,5

Miranda

Jogou só no primeiro tempo, mas foi bem nas bolas altas e também no posicionamento defensivo.

6,0

Marcelo

Estreando como capitão, não esteve tão bem assim. Teve trabalho com as descidas de Enner Valencia. Levou amarelo e não enfrentará a Colômbia, na terça-feira.

6,5

Casemiro

Muito bem posicionado para cobrir os espaços que eventualmente apareceram à frente da zaga brasileira.

7,0

Paulinho

Teve uma chance clara de gol logo nos primeiros minutos. Na etapa final, apareceu na área para aproveitar a jogada de escanteio e marcar.

5,5

Renato Augusto

Apesar do bom toque de bola, não conseguiu infiltrações e abertura de espaços no meio. Nem a inversão de lado com Paulinho deu certo. Foi sacado para a entrada de Phlippe Coutinho.

6,5

Wllian

Conseguiu um chute perigoso na primeira etapa. Mas depois deu uma sumida. No segundo tempo, buscou mais o jogo. Bateu escanteio que originou o primeiro gol.

6,0

Neymar

Jogando com mais liberdade e não só preso à esquerda, não foi lá grande coisa para o "nível Neymar" de exigência. Ainda levou cartão amarelo.

6,5

Gabriel Jesus

Teve duas boas chances de marcar e ainda deu o passe para Coutinho fazer o dele com linda jogada. Por muito pouco não balançou as redes.

6,0

Thiago Silva

Praticamente não foi exigido, já que o Equador jogou todo fechado no segundo tempo.

7,5

Philippe Coutinho

Livre das dores nas costas, entrou e mudou a cara do Brasil, jogando por dentro. Construiu e concluiu a bela jogada do segundo gol.

-

Luan

Entrou no fim, mas o suficiente para levar a galera ao delírio.

6,5

Tite

Time teve dificuldades para criar no segundo tempo. Mas a postura melhorou muito na etapa final. Mais uma vitória na conta.

EQUADOR

5,5

Banguera

Um presepeiro de marca maior. Enrolou o jogo, fez duas boas defesas e não teve culpa nos gols.

5,0

Velasco

Travou uma batalha dura com Neymar, sobretudo na etapa inicial.

5,5

Arboleda

Teve trabalho com Gabriel Jesus. Não fez um jogo tão ruim.

5,5

Achilier

Também não fez um mau jogo. Mas os detalhes fizeram a diferença.

5,0

Cristian Ramirez

Muito tímido no apoio. Teve trabalho quando Willian apareceu para o jogo.

5,0

Pedro Quiñónez

Carrapato preso a Neymar. Mas se perdeu com a mudança tática do Brasil.

4,5

Noboa

Era para ser o responsável pela organização no meio equatoriano. Ficou devendo muito.

5,0

Gaibor

Foi importante na marcação no primeiro tempo, mas saiu pouco para o jogo.

5,5

Antonio Valencia

Liderança técnica não foi exercida.

4,5

Fidel Martínez

Deu uma tesoura no Neymar que lhe rendeu amarelo. E só.

6,0

Enner Valencia

Deu gás nas tentativas de contra-ataque. Neutralizado.

5,5

Cazares

Entrou com o caldo entornado.

5,5

Felipe Caicedo

Não apareceu.

5,5

Marcos Caicedo

Entrou e nada mudou na partida.

5,0

Gustavo Quinteros

Marcação foi boa na etapa inicial, mas o time não criou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos