Chamado após três anos, Villa se lesiona e é cortado da Espanha

Do UOL, em São Paulo

  • Sergio Pérez/Reuters

Depois de três anos sem ser convocado para atuar pela seleção espanhola, David Villa entrou na vitória sobre a Itália por 3 a 0, no último sábado. Mas sua passagem pela Fúria durou pouco. O atacante se lesionou no treino deste domingo e foi cortado do confronto contra Liechtenstein, que será realizado na próxima terça-feira, às 15h45 (de Brasília).

A Federação Espanhola de Futebol publicou em seu site um comunicado sobre o problema com David Villa. O jogador foi avaliado pelos médicos da seleção e ficou decidido que ele não seguirá com a delegação para o confronto, válido pela oitava rodada das Eliminatórias.

De acordo com a imprensa espanhola, o atacante do New York City teve um estiramento no músculo adutor. David Villa é o maior artilheiro da seleção, com 61 gols em 98 partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos