Klopp nega clima ruim com Coutinho: 'Ainda temos um ótimo jogador'

O técnico Jürgen Klopp falou pela primeira vez neste domingo sobre a permanência de Philippe Coutinho no Liverpool. O treinador reiterou que o brasileiro nunca esteve à venda, mesmo com o forte interesse do Barcelona que persistiu até a última sexta-feira, quando se encerrou a janela de transferências na Espanha.

Klopp fez questão de ressaltar que nada mudou em seu relacionamento com Coutinho, mesmo o brasileiro tendo pedido à diretoria para jogar no Barcelona.

O treinador ainda comparou as negociações de Coutinho e Dembélé, que deixou o Borussia Dortmund para atuar no Barcelona por 105 milhões de euros (R$ 391 milhões).

- A gente tinha uma situação e o Borussia Dortmund tinha outra. O Dortmund decidiu que iria liberar o Dembélé, então não posso comparar as duas situações. Nós ainda temos um ótimo jogador no nosso elenco, que pode e vai jogar normalmente - afirmou Klopp, ao canal "Sport1".

O Liverpool fez questão ainda de negar que tenha pedido 200 milhões de euros (R$ 746 milhões) para negociar Coutinho, conforme revelou o diretor esportivo do Barcelona, Albert Soler, no último sábado. O clube inglês afirmou que não mudou a sua postura e manteve desde o princípio a decisão de não liberar o brasileiro.

Durante as negociações, Coutinho não atuou pelo Liverpool, desfalcando a equipe em cinco jogos neste início de temporada: duas contra o Hoffenheim, pelos playoffs da Liga dos Campeões, e três pelo Inglês, contra Watford, Crystal Palace e Arsenal. A versão oficial dos Reds era a de que o meia-atacante sofria de dores nas costas. Mas, curiosamente, ele entrou no segundo tempo e marcou um gol na vitória da Seleção Brasileira sobre o Equador por 2 a 0, na última quinta-feira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos