Operário atropela Globo-RN por 5 a 0 e põe as mãos na taça da Série D

No Barretão, o Operário atropelou o Globo-RN por 5 a 0 e praticamente garantiu o título de campeão da Série D. O Globo, que venceu todas as setes partidas em que foi mandante, na competição, desapontou os torcedores no primeiro confronto da final e precisará vencer por pelo menos cinco gols de diferença, no próximo domingo para conquistar a taça.

Apesar da derrota inimaginável, o Globo iniciou o jogo pressionando o adversário, mas o jogo virou logo aos 22 minutos, quando Peixoto cobrou falta na área e Tiago Lima apareceu para fazer o desvio para o fundo das redes. João Victor até tentou igualar o placar aos 24, mas o Operário soube aproveitar melhor e ainda garantiu um pênalti, quando o próprio João Victor derrubou Robinho na área. Lucas Batatinha foi para a cobrança e ampliou.

Na volta para a segunda etapa, o terceiro gol veio logo aos 8 minutos com Quirino, após assistência de Batatina. Desenfreado, o Operário marcou o quarto aos 19 minutos, quando Lucas Batatinha roubou a bola de Gravatá, invadiu a área e tocou para o meio, para Jean Carlo encaminhar para o gol.

Aos 38 minutos, Peixoto invadiu a área e cruzou para Dione tocar de carrinho e fechar a goleada de 5 a 0 sobre o Globo. As equipes voltam a se enfrentar às 19h do próximo domingo, no estádio Germano Krüger. Caso o Globo não consiga repetir o placar do adversário, a taça será erguida pelo Operário.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos