Torcida alemã entoa cânticos nazistas em jogo e deixa Joachim Löw revoltado

  • Grigory Dukor/Reuters

    Joachim Löw ficou revoltado com a própria torcida no duelo pelas Eliminatórias da Copa

    Joachim Löw ficou revoltado com a própria torcida no duelo pelas Eliminatórias da Copa

A Alemanha foi a Praga na última sexta-feira e bateu a República Tcheca por 2 a 1, dando um passo enorme para garantir um lugar direto na Copa do Mundo. Mas a torcida germânica que foi ao jogo deixou o técnico Joachim Löw extremamente irritado. Isso porque os fãs entoaram cânticos nazistas e vaiaram o minuto de silêncio antes do duelo pelas Eliminatórias.

- Estou extremamente desapontado com o que aconteceu durante o minuto de silêncio. Esses não são nossos torcedores. Eu me sinto desgostoso que esses falsos torcedores embaraçaram nosso país num jogo internacional. Como time, queremos representar bons valores e uma Alemanha tolerante e de cabeça aberta - disse o treinador, em entrevista coletiva neste domingo.

Além de desrespeitar o minuto de silêncio antes do confronto, os torcedores entoaram cânticos nazistas durante o hino tcheco. Revoltados com a atitude, os jogadores da Alemanha não foram até o espaço reservado aos visitantes para cumprimentar os fãs ao fim da partida.

Com 100% de aproveitamento, a Alemanha volta a jogar nesta segunda-feira contra a Noruega, em Stuttgart. Em caso de vitória e tropeço da Irlanda do Norte em casa contra a República Tcheca, os germânicos garantem um lugar na Copa do Mundo com duas rodadas de antecedência.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos