Mineirão completa 52 anos e imortaliza ídolos do futebol

No dia do seu aniversário de 52 anos, o Mineirão homenageou dois grandes jogadores que marcaram a história do futebol mineiro. Os atacantes Reinaldo, conhecido como "Rei" do Atlético-MG e Tostão, ídolo do Cruzeiro, Deixaram a marca dos seus pés em um molde que será exibido em placas de bronze, no Museu Brasileiro do Futebol (MBF). A expectativa é de que as peças sejam expostas ainda em setembro.

Além de Tostão e Reinaldo, outros 23 grandes nomes do futebol têm seus nomes registrados na calçada da fama do Museu, de acordo com a assessoria do Mineirão, são eles: Alex, Amaury, Buglê, Dadá Maravilha, Dirceu Lopes, Djalma Santos, Éder, Euller, Evaldo, Jair Bala, Juca Show, Luisinho, Marques, Nelinho, Piazza, Procópio, Pelé, Palhinha, Ronaldo e Sorin. Os goleiros Fábio, João Leite e Raul, deixaram as marcas das mãos.

Empolgado com a novidade, o coordenador do Museu Brasieliro do Futebol, Thiago Costa, comemorou a presença da marca eterna dos jogadores no local de visitação.

- É registro dos dois maiores artilheiros do Mineirão, Reinaldo, autor 152 gols, e Tostão, dono de 143 gols. São dois ícones do futebol mundial que agora preencherão duas lacunas da história cinquentenária do Gigante da Pampulha. Um testemunho para o presente, e um legado para a memória do futebol - declarou.

O Museu é aberto para visitação durante terça, entre 9h e 20h; quarta, quinta e sexta, de 9h às 17h. Aos sábados e domingos, o horário de funcionamento é das 9h às 13h. O valor da entrada é de R$ 20. Estudantes, menores de 21 anos e idosos têm direito a meia-entrada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos