'Zerado' e reforçado: Corinthians vê evolução e tem otimismo por Arana

Após pouco mais de duas semanas em tratamento de uma lesão muscular na coxa direita, o lateral-esquerdo Guilherme Arana deve ser a novidade do Corinthians na partida do próximo domingo, contra o Santos. Desfalque de Fábio Carille diante de Chapecoense e Atlético-GO, o jovem de 20 anos iniciou transição física na última terça e treinou sem restrições no gramado do CT Joaquim Grava nesta quarta-feira. O jogador não apresentou qualquer incômodo durante os trabalhos e deve fazer com que o Timão escale sua formação ideal na 23ª rodada do Brasileirão.

O Corinthians teve o time considerado prioritário por Carille desde o título do Campeonato Paulista em apenas quatro ocasiões no Brasileiro: Chapecoense, Palmeiras, Bahia e Avaí, mas este por apenas 12 minutos, já que Pablo e Jadson sofreram lesões. A formação está invicta e deve ser escalada novamente contra o Santos: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel e Maycon; Jadson, Rodriguinho e Romero; Jô.

Nesta quarta-feira, a equipe ainda treinou sem Fagner, Balbuena e Romero, que se apresentam na quinta após participação nas Eliminatórias da Copa do Mundo, além dos desfalques de Vilson, Léo Santos, Pedrinho, Danilo e Marquinhos Gabriel, todos por razões físicas. A novidade do dia foi a volta antecipada do goleiro Cássio aos treinamentos. O volante Gabriel, que foi preservado dos treinos de sexta-feira da semana e segunda-feira, também trabalhou no gramado.

-Eu vinha de um desgaste grande e aproveitei esses dias sem jogos para poder descansar e fortalecer o que tiver, recuperar. Não só eu, todos fizeram isso e a partir de hoje, com a volta de quem estava nas seleções, a equipe vai estar toda em campo, completa, para o Carille fazer um treino mais intenso. Essa parada foi muito boa para mim e para o grupo - disse o camisa 5.

Em campo, houve um trabalho físico como aquecimento e depois o grupo foi dividido em três times de sete jogadores para um trabalho técnico de disputas entre estas equipes em espaço reduzido e com o máximo de três toques. O time que mais venceu os joguinhos foi formado por Léo Príncipe, Marciel, Pedro Henrique, Gabriel, Maycon, Clayson e Kazim. Ainda houve a equipe de Camacho, Carlos, Moisés, Rodriguinho, Paulo Roberto, Giovanni Augusto e Carlinhos e mais uma com Ameixa, Guilherme Arana, Pablo, Fellipe Bastos, Rodrigo Figueiredo, Jadson e Jô.

Durante o treino, um lance causou preocupação: após dividida com Léo Príncipe, Jadson ficou caído no gramado com dores no joelho direito, mas se recuperou durante um dos intervalos de sua equipe e voltou ao treino.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos