Levir aperfeiçoa setor ofensivo, mas alerta: "'Resultado não será imediato"

  • Marcelo D. Sants/Framephoto/Estadão Conteúdo

    Levir Culpi trabalhou a parte ofensiva no treinamento desta sexta-feira em Santos

    Levir Culpi trabalhou a parte ofensiva no treinamento desta sexta-feira em Santos

Com duas semanas livres para treinar o Santos, o técnico Levir Culpi focou em treinos de finalização, bola parada, cruzamentos e cabeceios, já que o setor ofensivo não vive sua melhor fase e terá o desafio de enfrentar o Corinthians neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro, pelo Brasileirão. E apesar do esforço para acertar a parte da frente, o treinador foi bem sincero:

"Os resultados não serão imediatos. Nós projetamos os trabalhos dentro de nossas dificuldades. Batalhamos em cima dos cruzamentos e finalizações. Treinamos no que temos dificuldades. Aperfeiçoamos as finalizações, os cabeceios, os chutes. O Arzul [preparador de goleiros do clube] em cima dos goleiros também. Foi bem proveitoso. Forçamos e temos uma possibilidade maior de acerto", explicou.

Em contrapartida, o comandante não demonstra preocupações com a zaga do Peixe, que está entre as melhores do Brasileirão. Ele até brincou com o fato de ter cinco zagueiros à disposição e rasgou elogios:

"A formação dos zagueiros do Santos é ótima. Temos cinco jogadores. Não tenho preocupações, é só fazer um sorteio e escalar", concluiu.

Com a ausência de David Braz no clássico, Gustavo Henrique foi quem treinou entre os titulares nesta semana. O Santos deve ir a campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Zeca; Renato, Alison e Lucas Lima; Bruno Henrique, Copete e Ricardo Oliveira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos