Eleição presidencial no Vasco é marcada para o dia 7 de novembro

O Vasco marcou a eleição presidencial do clube para o dia 7 de novembro. A decisão foi tomada neste fim de semana pelo presidente da Assembleia Geral cruz-maltina, Itamar Ribeiro de Carvalho. Na oportunidade, terá a realização da Assembleia com a finalidade de eleger o presidente e o vice-presidente da Assembleia Geral e os membros eletivos, efetivos e suplentes, do Conselho Deliberativo para o triênio 2018/2021, seguindo a forma do estatuto do clube.

Já são cinco candidatos à presidência do Vasco. Eurico Miranda pela situação (o mandatário é o atual presidente e lançará a chapa na quinta-feira na Tijuca), e Otto Carvalho, Alexandre Campello, Júlio Brant e Fernando Horta como opositores. Existe a expectativa de que até o dia da eleição haja acordos entre os membros da oposição para a união das chapas, como forma de aumentar a possibilidade de vitória.

Vale lembrar que a eleição do Vasco é indireta. Os sócios com direito a voto elegem os conselheiros, e são estes que na sede náutica da Lagoa que elegem o presidente da Diretoria Administrativa, mais conhecido como presidente geral do clube. Mas por conta dos apoios existentes, de acordo com os conselheiros eleitos, já poderá saber no próprio dia 7 de novembro, em São Januário, o vitorioso.

O LANCE!, com a confirmação da data da eleição, publicará no mês de outubro uma série especial de entrevistas exclusivas com os postulantes ao cargo de presidente do Vasco, em suas versões impressa e online.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos