Convocado por Tite, Tardelli celebra retorno e mira vaga na Copa-18

Convocado pelo técnico Tite na manhã desta sexta-feira, para os dois próximos jogos das eliminatórias Sul-americanas, o atacante Diego Tardelli comemorou o seu retorno à Seleção Brasileira, após dois anos e mira brigar por uma das vagas para a Copa do Mundo da Rússia-2018. A última vez que o jogador vestiu a camisa amarelinha foi em junho de 2015, quando ainda era comandado por Dunga. O Brasil pega a Bolívia, fora de casa, no dia 5 de outubro, em La Paz. No dia 10 do mesmo mês, encara o Chile, no Allianz Parque, em São Paulo.

- Sempre acreditei nessa possibilidade de retornar à seleção e trabalhei duro pra conseguir. Também gostaria de agradecer a alguma pessoas, como Bruno Mazziotti, Gil e minha família, que me deram total apoio e me fizeram acreditar que esse sonho seria novamente possível. Como retribuição a essa chance que a comissão técnica e o Tite estão me dando, continuarei me dedicando ao máximo para honrar a oportunidade. Já bati na trave duas vezes para disputar uma Copa do Mundo e confio que tenho condições de brigar por uma vaga e, quem sabe, realizar mais esse sonho - declarou Tardelli.

Em boa fase no Campeonato Chinês, o atacante marcou 12 gols nos 14 jogos em que disputou pelo Shandong Luneng nesta temporada. Tardelli já atuou em 14 oportunidades pela Seleção, tendo balançado as redes três vezes. O último tento do centroavante foi na vitória contra o México por 2 a 0, em 2015, no Allianz Parque. O atacante espera repetir a dose na casa palmeirense e disse vai se empenhar para agarrar a oportunidade.

- A única vez que joguei no estádio foi pela seleção e ainda consegui marcar um gol. Não sou muito supersticioso, mas, quem sabe, tenha a mesma sorte e consiga fazer outro. Não seria ruim né? - finalizou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos