Botafogo encara o Santos tentando manter o foco - também no Brasileiro

Todo mundo só quer saber da Copa. Até o Santos, também na Libertadores, vem ao Rio com os reservas. Mas há o Campeonato Brasileiro pela frente, neste sábado, não tem jeito. A expectativa é que Jair Ventura escale um Botafogo com mais reservas do que titulares, pensando no duelo contra o Grêmio, na quarta-feira. Contudo, Matheus Fernandes avalia que seja quem for que tiver de entrar em campo no Nilton Santos, às 19 horas deste sábado, está concentrado ali, e não na partida que virá depois.

- Acho que a cabeça do pessoal está bem focada. Com a sequência de jogos, todo mundo tem oportunidade. Quem entrar vai fazer uma boa partida - acredita o volante. Ele, porém, não devem começar jogando.

No lado do Alvinegro Praiano, somente o goleiro Vanderlei e o zagueiro David Braz, dentre os titulares, vieram ao Rio. Mas Carli, xerife do Botafogo, não desmerece quem tentará levar pontos para o litoral paulista. Assim como, para o jogo contra o Grêmio - pensando também à frente -, ele não se apega as lesões que tiraram Geromel e Luan do primeiro jogo das quartas da Libertadores.

- Não. Claro que fico olhando quem vai jogar ou não, mas não vou ficar torcendo para um jogador continuar machucado. O futebol dá muitas surpresas. Às vezes você torce para um não jogar, e o que entra acaba sendo o melhor em campo. O futebol é assim, então, para a gente, não muda - entende o argentino.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos