Zé Ricardo elogia atuação do Vasco e lamenta derrota com gol irregular

O Vasco foi derrotado por 1 a 0 pelo Corinthians, neste domingo, pelo Brasileirão, com gol irregular de Jô, que escorou a bola com o braço para o fundo das redes. O técnico Zé Ricardo elogiou a atuação do Cruz-Maltino na partida. No entanto, o treinador lamentou que a derrota tenha acontecido por conta de um erro da arbitragem.

- Tivemos um primeiro tempo que só não foi melhor porque tecnicamente poderíamos ter rendido um pouco melhor. Fizemos um grande jogo. No segundo tempo, com a inversão do Jadson, criou um pouquinho de dificuldade no meio. Demos uma equilibrada depois. A equipe do Corinthians é muito forte. Dentro de uma circunstância, no momento das duas equipes, o resultado em si poderia até acontecer. Só fico chateado pela forma como foi, mas entendendo que fizemos uma grande partida. Enalteço muito a dedicação dos nossos atletas. Brigamos até o final. Deveríamos ter saído com melhor resultado daqui - disse o treinador em coletiva de imprensa após a partida.

O treinador cruz-maltino deu exemplo do Campeonato Italiano, que usa a tecnologia de recurso de vídeo em lances polêmicos para que os erros sejam evitados. Ele conta que viu que o lance tinha sido irregular ainda dentro do campo.

- O gol é o fato do jogo. O Corinthians poderia ter até vencido com outros lances que criou, mas o fato é o que o gol foi irregular. Hoje de manhã, vendo Udinese x Milan, Udinese fez 1 x 0, em 30 segundos foi resolvido. Os jogadores do Milan pediram, viram o lance e o gol foi anulado. Aqui tem árbitro de linha, bandeira. Percebi que o gol tinha sido irregular antes de qualquer comentário. A reação de o bandeira não correr para o meio me chamou a atenção. O Elmo foi para o meio, não quis escutar. Por coincidência, ele tinha trabalhado em dois jogos do Corinthians, e não tinham vencido. Mas não quero tirar méritos do Corinthians, que para mim será a equipe campeã brasileira de 2017. Poderíamos ter saído com resultado melhor - disse Zé Ricardo.

Em jogo pelo Paulistão deste ano, Rodrigo Caio, zagueiro do São Paulo, se destacou pelo fair play em um lance justamento com Jô, no clássico contra o Corinthians. Ele disse ao juiz que o atacante não tinha cometido uma falta, na qual levou um amarelo, e o árbitro retirou o cartão, que deixaria o jogador do Timão suspenso para o segundo jogo. Zé Ricardo espera que mais exemplos como o do defensor aconteçam no futebol, mas evitar condenar Jô por falta de fair play.

- É bastante complicado responder sobre isso (falta de fair play do Jô). Com o Rodrigo Caio teve um simbolismo, acho que as pessoas deveriam ser todas assim, jogar com a maior clareza possível. Aquele foi um exemplo positivo do Rodrigo e espero que aconteçam mais vezes no esporte brasileiro - completou.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos