Garçom e goleador, Ceifador e Scarpa não impedem início ruim de returno

Se no âmbito coletivo o Fluminense não está alcançando os resultados esperados, dois nomes estão tendo rendimentos individuais de destaque no Brasileirão: Henrique Dourado e Gustavo Scarpa. Com o gol marcado na derrota por 3 a 1 para o Atlético-PR, o Ceifador manteve-se isolado na artilharia com 14 gols. Jô, do Corinthians, marcou contra o Vasco e chegou aos 13 gols.

Já o meia Gustavo Scarpa deixou para trás a concorrência é agora é o maior garçom do campeonato nacional, com oito assistências para gols - três foram para o Ceifador. Quem vem atrás dele é o atacante Bruno Henrique, que já deixou sete passes decisivos para gols do Santos, mas não atuou nesta rodada.

Por outro lado, o Fluminense só somou dois pontos em cinco rodadas no returno do Brasileirão, ou 33,3% de aproveitamento. São dois empates, duas derrotas e uma vitória, que deixam o time de Abel Braga com a 16ª posição do segundo turno. O treinador cobrou uma reação dos jogadores no domingo.

- Temos que fazer mais, cada rodada a gente não sai do lugar e o restante do pessoal está somando pontos.Vamos ficando distantes de onde queríamos estar, que é perto do G6 - disse Abel Braga após a derrota para o Atlético-PR.

O Fluminense estacionou nos 31 pontos e caiu para a 11ª posição da tabela. O Tricolor está a quatro pontos do São Paulo, com 27, que é o primeiro time na zona de rebaixamento. O Cruzeiro, com 36, é o sexto colocado do Brasileirão.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos