Sem dupla em campo, Levir esconde time em véspera de decisão do Santos

Renato e Lucas Lima são ausências confirmadas no Santos que enfrenta o Barcelona de Guayaquil, na quarta-feira, às 21h45, pela decisão das quartas de final da Libertadores, na Vila Belmiro. Diferentemente do jogo de ida, em que p técnico confirmou o time, que tinha Thiago Ribeiro como novidade na vaga de Copete, desta vez o comandante do Peixe preferiu fazer mistério e fechou a atividade no CT Rei Pelé.

Nos primeiros dez minutos, os únicos que a imprensa pôde acompanhar, foi confirmada a ausência do volante Renato, que tem dois edemas na perna direita. Seu substituto deve ser Vecchio, quem deu entrevista coletiva antes do treinamento.

Lucas Lima já era baixa no início da semana, quando teve diagnosticada lesão grau 2 na perna esquerda. Seu substituto deverá ser Jean Mota, o mesmo que entrou em seu lugar durante o jogo de ida, no Equador, que terminou empatado em 1 a 1.

Outro que não esteve em campo foi o zagueiro Gustavo Henrique, que tem dores nas costas. No banco, o argentino Noguera deverá ser o reserva de Lucas Veríssimo e David Braz, já que Luiz Felipe não está inscrito na Libertadores, pois estava suspenso.

Uma das novidades em campo foi o lateral-esquerdo Caju, que se juntou ao grupo após retornar da França, onde negociava com o Lille. Ao seu lado estiveram Yuri e Léo Cittadini, outras opções do treinador para reforçar o meio de campo.

O último havia deslocado o ombro esquerdo no treinamento de sexta-feira, mas foi liberado após reavaliação médica.

O Santos deve ir a campo com Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison, Vecchio e Jean Mota; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.

O Peixe se classifica para a semifinal com um empate sem gols ou uma vitória.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos