Pedro, Peu ou Robinho: as opções de Abel Braga para o lugar de Dourado

Pela vaga nas quartas de final da Sul-Americana e pelo acerto de contas com a LDU, o Fluminense joga nesta quinta-feira, às 19h15, no Estádio Casa Blanca, em Quito. O Tricolor largou na frente, vencendo no Maracanã por 1 a 0, mas o time de Abel Braga não se apoiará nesta vantagem e buscará marcar gols no Equador - o que obriga o rival a vencer por dois ou mais gols de diferença para avançar. A principal na equipe carioca é justamente no ataque.

Sem Henrique Dourado, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Abel Braga relacionou três nomes que podem substituir o artilheiro do Fluminense no torneio e em 2017: Peu, Robinho e Pedro (confira números de cada um abaixo).

Quem larga na frente na disputa e é o mais cotado para começar jogando é Peu, mais acostumado a fazer essa função nos últimos jogos do Tricolor.

- Na base, eu sempre joguei pelos lados. De dois anos para cá, comecei a ser centroavante e fui muito bem. Fico feliz pela oportunidade. Mostra que o Abel confia em mim. Vou fazer de tudo para corresponder - afirmou Peu, que veste a camisa número 27.

Dentre as opções de Abel Braga, o jovem Pedro é o único "centroavante de origem", subindo ao elenco profissional sobre grande expectativa após marcar 32 gols em em 2015 pelo time sub-20. Hoje, no entanto, o atacante parece ser a terceira opção do técnico.

Robinho, por sua vez, destacou-se atuando pelo lado do ataque do Figueirense, mas coloca-se à disposição para ser o camisa 9 se necessário.

- Gosto de ir para cima, de finalizar e vou trabalhar para alcançar os objetivos. Jogo mais aberto, mas, se precisar, jogo centralizado - comentou Robinho.

Peu

A fama de "Artilheiro da Eslováquia" ainda não se provou nas Laranjeiras após passagem de sucesso pelo STK Fluminense Samorin. Apesar disso, Peu vem sendo bastante acionado - e elogiado - pelo técnico Abel Braga.

No lugar de Wellington Silva ou do próprio Henrique Dourado, Peu entrou em quase todas rodadas do segundo turno do Campeonato Brasileiro. O atacante, revelado nas categorias de base de Xerém, já destacou que tem facilidade para atuar pelo lado ou como referência.

Robinho

Contratação aguardada - e conturbada após o Fluminense penar para quitar o valor da compra combinado com o Atibaia -, Robinho ainda não mostrou muito sob o comando de Abel Braga. Nem pôde, já que foi expulso contra o Vitória, em sua estreia, um minuto após entrar em campo.

Contra a LDU, no Maracanã, o atacante disputou os últimos 10 minutos e deixou uma impressão melhor. Em bela jogada pela ponta esquerda, finalizou com perigo e quase ampliou a vantagem do Fluminense, que venceu por 1 a 0 na ida.

Pedro

Até a chegada de Robinho e Peu, era o único nome à disposição de Abel Braga para fazer a função de Henrique Dourado. Assim, entre os possíveis candidatos à vaga para o jogo contra a LDU, o jovem é quem mais atuou em 2017 com a camisa do Fluminense: são 26 jogos e cinco gols.

No entanto, Pedro perdeu espaço no time nos últimos meses - desde o início do mês de agosto, só atuou por 90 minutos contra o Londrina, pela Primeira Liga. Cria de Xerém, o atacante tem 20 anos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos