Santos renasce, bate o Atlético-PR e agora é o vice-líder do Brasileirão

A estreia do terceiro uniforme e a promessa do técnico Levir Culpi de que o Santos melhoraria no Brasileirão fizeram com que o Peixe realmente mudasse de vida. Com a camisa camuflada, o time da casa conseguiu vencer o Atlético-PR por 1 a 0, gol de Bruno Henrique. O Peixe chegou aos 44 pontos e assumiu a vice-liderança. O Grêmio, com 43, pega o Bahia, fora de casa, neste domingo.

O Alvinegro não sentiu a pressão do Furacão nos primeiros minutos e aproveitou o fator casa para dar a bola aos adversários e tentar puxar o contra-ataque. Porém, o time sentiu a falta de Lucas Lima e criou pouco.

Outro fator que prejudicou o Santos foi o ataque, que não estava eficiente. Copete vive má fase e errou quase tudo o que tentou. O colombiano ainda foi cobrado pela torcida após errar uma cabeçada para Ricardo Oliveira, mas compensou no chute em que Weverton espalmou e Bruno Henrique marcou o único gol do jogo, aos 34 minutos do primeiro tempo.

Na segunda etapa, o Santos deu a posse de bola para os paranaenses, que assustaram Vanderlei em duas finalizações do lateral-esquerdo Fabrício. Na primeira, a bola raspou a trave em chute cruzado e na outra ele cabeceou para fora após cobrança de escanteio. Ribamar, travado por David Braz, também perdeu a chance de empatar a partida na Vila.

Na melhor chance do Peixe, Bruno Henrique arriscou de fora da área e obrigou Weverton a fazer grande defesa.

O Santos volta a campo no próximo sábado, no clássico contra o Palmeiras, no Allianz Parque. Já o Atlético-PR recebe o Galo, no dia seguinte, na Arena da Baixada.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 1 X 0 ATLÉTICO-PR

Local: Vila Belmiro, Santos (SP)

Data/hora: 23/9/2017 - 21h

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa/MG)

Assistentes: Gilherme Dias Camilo e Sidmar dos Santos Meurer (ambos de MG)

Renda e público: R$ 118.835,00 / 4.257 torcedores

Cartões amarelos: David Braz (SAN), Lucho González (ATL)

Cartões vermelhos: -

GOLS: Bruno Henrique, 35'/1ºT (1-0)

SANTOS: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Zeca; Alison (Matheus Jesus, 30'/2ºT), Vecchio (Serginho, , 25'/2Tº) e Jean Mota; Copete, Bruno Henrique e Ricardo Oliveira. Técnico: Levir Culpi.

ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Wanderson e Fabrício; Pavez e Lucho González (Rosseto, intervalo); Nikão, Felipe Gedoz (Lucas Fernandez, 17'/2Tº) e Sidcley (Ribamar, intervalo); Guilherme. Técnico: Fabiano Soares.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos