Corinthians tem recepção 'de guerra', mas conclui 2017 invicto no Morumbi

A chegada da delegação do Corinthians ao estádio do Morumbi foi conturbada na manhã deste domingo. Apesar do cerco policial nas imediações do portão de acesso, torcedores do São Paulo atiraram paus e pedras em direção ao veículo e acertaram o vidro da frente, que ficou rachado. O ato de vandalismo dos rivais tirou até um palavrão do técnico Fábio Carille em entrevista coletiva, mas não atrapalhou os planos do Timão, que fecha 2017 invicto no estádio tricolor.

Em três jogos contra o São Paulo no Morumbi foram dois empates (1 a 1 na primeira fase do Paulistão e outro 1 a 1 no Brasileirão, neste domingo) e uma vitória corintiana por 2 a 0 no jogo de ida das semifinais do Estadual, torneio vencido pelo Timão. O Majestoso, que não ocorrerá mais em 2017, ainda teve mais duas exibições na Arena Corinthians: empate em 1 a 1 no jogo de volta das semis do Paulista e vitória alvinegra por 3 a 2 no primeiro turno do Nacional. Ao todo, duas vitórias corintianas e três empates em cinco jogos, sem contar o 0 a 0 na Flórida Cup, realizada durante a pré-temporada.

- Nossa chegada aqui é sempre uma guerra, um campo de batalha - desabafou Carille, que interrompeu uma resposta sobre a conduta do volante Gabriel para criticar o comportamento da torcida do São Paulo.

- Se for para falar sobre coisas a melhorar no Brasil, puta que pariu... Desculpa pelo termo, mas se quer dar exemplo no Brasil vamos fazer ao todo. Se for ver do lado de educação, melhoria, vamos pensar em tudo. Apesar de que eu gosto porque acorda meu time. Em 2009 fizeram isso e o Ronaldo Fenômeno, no ônibus, falou: "São burros demais, me acordaram". Tem muita coisa a melhorar no país - disse Carille, que teve o discurso acompanhado por Rodriguinho.

- No Morumbi é normal. Polícia sempre tenta fazer escolta mas acabam acontecendo essas coisas. Já tinha (vivido isso), aqui no Morumbi acabam arremessando latas de cerveja no ônibus, já tinha vivido isso também contra o Vitória, que é muito difícil chegar lá no Barradão e acaba acontecendo também. São coisas que não deviam acontecer, mas, no futebol, acabam acontecendo.

O Corinthians soma seis vitórias, quatro empates e uma derrota em clássicos no ano. Marcou 14 gols e sofreu sete nos 11 desafios. Ainda resta mais um duelo contra o Palmeiras, em Itaquera, pela frente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos