Após crítica, clube chinês rebate Tevez: "Não pode ser titular pela fama"

  • AFP

    Carlos Tevez no banco de reservas durante jogo do Shanghai Shenhua

    Carlos Tevez no banco de reservas durante jogo do Shanghai Shenhua

Após Carlitos Tevez criticar o baixo nível do futebol chinês na semana passada, o Shanghai Shenhua não deixou barato e respondeu às fortes declarações do atacante. Porta-voz do clube, Ma Yue apoiou a decisão de deixar o argentino afastado do time principal. O cartola mostrou seu descontentamento com o atleta em rede social e afirmou que ele não pode ser titular devido a sua fama.

"Tevez deveria ter compreendido, já que claramente não pode ser titular unicamente por sua fama", postou Yue.

Na última semana, o argentino disse em entrevista ao canal francês "SFR Sport" que os jogadores chineses não têm habilidade no futebol e reiterou que o país não será uma potência no esporte nem em um futuro distante.

"Os jogadores chineses não são naturalmente talentosos como os atletas sul-americanos ou europeus. Como jogadores que aprenderam o futebol quando eram crianças. Eles não são bons. Mesmo daqui a 50 anos, eles ainda não vão poder competir", declarou o atacante.

Tevez tem ficado no banco de reservas do time chinês. De acordo com o técnico, o argentino está acima do peso ideal. Na temporada atual, o atacante fez três jogos nos 13 jogos em que disputou. O jogador é o mais bem pago do mundo - cerca de R$ 140 milhões por ano em salários. Ele tem contrato com a equipe chinesa até 2018.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos