Clássico consolida estigma corintiano no Brasileiro: não virou nenhum jogo

  • Robson Ventura/Folhapress

    O Corinthians é líder isolado, mas tem atuação ruim no segundo turno

    O Corinthians é líder isolado, mas tem atuação ruim no segundo turno

O Corinthians é líder disparado do Campeonato Brasileiro com dez pontos de vantagem em relação ao Santos. Porém, o momento do time de Fábio Carille não é dos melhores, pois o segundo turno se resume a duas vitórias, um empate, três derrotas e um misto de gordura acumulada com incompetência dos adversários para fazer frente. Um dos temas em xeque na campanha do Corinthians é o poder de reação, evidenciado em um dado: o Alvinegro não virou nenhum placar em 25 partidas da competição até agora.

Diante do São Paulo, o Corinthians saiu perdendo e conseguiu alcançar apenas o empate em 1 a 1, mantendo a sina de não obter viradas no Brasileirão. Em resumo, o Alvinegro só venceu os 16 jogos em que saiu na frente do placar: Vitória, Atlético-GO, Santos, Vasco, São Paulo, Cruzeiro, Bahia, Grêmio, Botafogo, Ponte Preta, Palmeiras, Fluminense, Atlético-MG, Sport, Chapecoense e Vasco.

Em duas oportunidades, o Corinthians saiu na frente e cedeu empates, contra Chapecoense e Flamengo. Nos outros sete jogos foram três derrotas (Vitória, Atlético-GO e Santos), ou seja, jogos em que o time saiu atrás e não reagiu, dois empates sem gols (Coritiba e Avaí) e mais dois empates em que o Alvinegro até reagiu, mas não conseguiu virar o placar definitivamente: 2 a 2 com o Atlético-PR e 1 a 1 diante do São Paulo, neste fim de semana.

Restam mais 13 partidas pela frente no Campeonato Brasileiro. A primeira delas será neste domingo, às 16h, contra o Cruzeiro, no Mineirão. O Corinthians tem 54 pontos, dez a mais que o Santos, atual vice-líder. Tudo isso mesmo sem reagir durante as partidas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos