Com Neymar e ambiente conturbado, PSG encara o Bayern em Paris

Paris Saint-Germain e Bayern de Munique devem protagonizar o duelo mais interessante e disputado desta quarta-feira de Liga dos Campeões. As equipes se enfrentam no Parque dos Príncipes, às 15h45 (de Brasília), pela segunda rodada da competição.

A equipe da casa vive momento bastante conturbado, mas poderá contar com sua maior estrela para o confronto. Isso porque Neymar desfalcou o clube francês na partida contra o Montpellier por uma lesão no pé, mas já está recuperado. O técnico Unai Emery preferiu cortar a polêmica com a cobrança de penalidades e analisou o confronto.

- Já falei com os jogadores. Eles sabem como as coisas vão funcionar dentro de campo e nos pênaltis. Enfrentaremos uma grande equipe, com muita história. O Bayern quer ganhar essa competição, então esta partida será uma boa oportunidade para mostrarmos como estamos. Trabalhamos em diferentes opções para a formação deles. Teremos que trabalhar duro pelos 90 minutos - completou Emery.

Além do brasileiro, o argentino Ángel Di María é a outra novidade do time parisiense. O único que ainda ficará fora do embate é o meia Javier Pastore, que está lesionado e segue com seu tratamento no departamento médico.

As duas equipes vem de ótimas vitórias na estreia do torneio europeu, porém, nos campeonatos nacionais, ambas ficaram apenas no empate na última rodada, depois de uma sequência de vitórias. Os alemães fazem um início irregular de temporada.

Às vésperas da partida, que pode ser decisiva para a classificação final do Grupo B, o atacante holandês Arjen Robben deu declaração polêmica sobre os adversários. Os bávaros são um dos grandes críticos a quantidade de dinheiro gasto pelo PSG nas janelas de transferências.

- O PSG tem gastando muitos euros a mais do que nós, mas o dinheiro não marca gols. A qualidade que um jogador tem em campo que marca gols, as boas equipes marcam gols - comentou o jogador antes de ir para a França.

ANDERLECHT E CELTIC FAZEM DUELO POR PRIMEIROS PONTOS

Em confronto entre as equipes que não conquistaram pontos, Celtic e Anderlecht se enfrentam também nesta quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), no Constant Vanden Stock Stadium, em Bruxelas. Enquanto os visitantes perderam para o Paris Saint-Germain na estreia, os donos da casa foram derrotados pelo Bayern de Munique.

A equipe escocesa vem com confiança após a vitória por 2 a 0 sobre o Rangers, em um dos maiores clássicos do mundo. Os belgas não saem atrás e bateram o Waasland-Beveren fora de casa, pelo Campeonato Belga.

- As duas vitórias que tivemos nas últimas rodadas não significam que estamos de volta aos trilhos. Sabemos que precisamos trabalhar duro, focar e melhorar nosso jogo. Temos alguns lesionados e outros jogadores que ainda buscam sua melhor forma, mas as coisas podem mudar muito rápido - analisou o zagueiro do Anderlecht, Olivier Deschacht, lembrando que Sven Kums, suspenso, e Andy Najar, machucado, estão fora. Ivan Obradovic, Serigne Mbodji, Lukasz Teodorczyk, são dúvida.

- Obviamente a confiança está alta e os jogadores estão em boas condições, então estamos ansiosos pelo jogo. Todas as partidas nesse nível são complicadas. É um estádio bonito, compacto e deve ter uma boa atmosfera - analisou o técnico do Celtic, Brendan Rodgers, que não poderá contar apenas com Kouassi Eboué e Erik Sviatchenko, lesionados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos