Já fora dos planos, Cícero acerta rescisão de contrato com o São Paulo

  • Mauro Horita/Estadão Conteúdo

    Cícero acertou a rescisão do seu contrato com o São Paulo

    Cícero acertou a rescisão do seu contrato com o São Paulo

O meia Cícero não é mais jogador do São Paulo. Afastado por Dorival Júnior e pela diretoria desde 9 de agosto, o atleta acertou sua rescisão de contrato e está livre para seguir a carreira em outro clube. Cícero tinha contrato com o Tricolor até dezembro de 2018 e, como já fez dez jogos no Campeonato Brasileiro, não pode mais atuar por outra equipe da Série A neste ano.

O jogador estava treinando em horários alternativos no CT da Barra Funda. Indicação do ex-técnico do clube, Rogério Ceni, no início da temporada, Cícero encerra sua segunda passagem pelo Morumbi, sem brilho. Ele disputou 32 partidas e marcou quatro gols com a camisa do São Paulo em 2017.

Ele teve propostas de clubes de fora do país após ser afastado, mas recusou. Agora, deve esperar o início da próxima temporada para definir o novo destino. 

A diretoria começou a amadurecer a decisão do afastamento logo após a saída de Rogério Ceni, no início de julho. O argumento era de que o jogador não se adequava totalmente às exigências do grupo. Em nota, Cícero negou que tenha tido qualquer problema de relacionamento com os companheiros.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos