Mano quebra jejum de títulos e volta a sorrir à frente do Cruzeiro

Mano Menezes voltou a sorrir na noite desta quarta-feira como não sorria desde 2009, quando conquistou seu último título no comando do Corinthians. Depois de vencer o Flamengo nos pênaltis, por 5 a 3, diante de mais de 61 mil torcedores, Mano comemorou o pentacampeonato da Copa do Brasil.

- É isso, a vida da gente é essa. Precisamos, de vez em quando, coroar o trabalho com título. Se não, as pessoas pensam que a gente está ficando velho demais - disse o técnico em meio a comemoração dos jogadores.

Depois de empatar com o Flamengo em 1 a 1 no Maracanã, o Cruzeiro fez um jogo com mais atenção e levou a melhor nas cobranças de pênalti, algo que detinha a atenção de Mano durante os treinos na Toca da Raposa.

A história do treinador com o Cruzeiro é admirada pelos torcedores celestes, que passaram a confiar ainda mais no trabalho de Mano depois que ele ajudou o time a se livrar da zona de rebaixamento em 2015. Após breve passagem pelo futebol chinês, o treinador retornou à Raposa no fim de 2016 para comemorar sua quinta Copa do Brasil da carreira.

- É isso, a vida da gente é essa. Precisamos, de vez em quando, coroar o trabalho com título. Se não, as pessoas pensam que a gente está ficando velho demais - elogiou o técnico.

Com a taça em mãos, o Cruzeiro volta a se concentrar no Campeonato Brasileiro para garantir uma vaga no G-6 da competição. Já neste domingo, a Raposa enfrenta o líder Corinthians às 16h, no Mineirão em jogo é válido pela 26ª rodada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos