Sempre erra o lado? Fizemos o raio x de Muralha nos pênaltis. E não é bom

  • Thomás Santos/AGIF

    Alex Muralha em ação durante a disputa de pênaltis da final da Copa do Brasil

    Alex Muralha em ação durante a disputa de pênaltis da final da Copa do Brasil

Alex Muralha teve nas mãos a chance de reescrever sua história pelo Flamengo, mas não conseguiu defender nenhum dos cinco pênaltis batidos pelo Cruzeiro na final da Copa do Brasil e acabou amargando o vice do torneio. De quebra, ainda foi criticado por ter acertado só uma vez o canto das batidas e acabou saindo como vilão novamente. Na internet, diversos torcedores afirmaram que o goleiro raramente acerta o lado de uma cobrança. Será? Fomos conferir isso.

O LANCE! foi pesquisar todos os pênaltis batidos contra Alex Muralha no Flamengo. No total, o goleiro chegou a 22 cobranças pelo Rubro-Negro. Apenas duas não entraram, o que representa o modesto aproveitamento de 9%. E dentre as duas vezes que Muralha se salvou, só em uma oportunidade ele conseguiu fazer a defesa, parando o atacante Geraldo, do Bangu, em um duelo pelo Carioca 2016. A outra batida que não entrou teve a trave como destino.

E a questão de acertar o lado? Bem... Os torcedores têm razão em reclamar. Das 22 cobranças, ele só acertou o canto em seis (incluindo a batida defendida e a bola na trave, que ele acompanhou pulando). Os outros quatro acertos de canto foram em vão. E, por 16 vezes, ele errou o destino dos chutes.

Veja todos os pênaltis contra Muralha no Flamengo:

* Bola vermelha (gol pulando para o lado errado)

* Bola amarela (gol pulando para o lado certo)

* Bola verde (cobrança defendida)

* Bola azul (cobrança na trave)

Contra o Cruzeiro, Muralha pulou para o seu canto direito nas cinco cobranças da Raposa. Ao fim da disputa, o goleiro admitiu que o fato de ir para o mesmo lado em todas as cobranças foi uma estratégia definida antes mesmo do jogo:

"A gente estudou, fez uma estratégia (de pular todas as vezes para o mesmo lado), mas infelizmente não deu certo".

A declaração caiu como uma bomba entre os torcedores na internet.

Em entrevista coletiva, o técnico Reinaldo Rueda eximiu Muralha de culpa.

"Alex fez um grande trabalho, os pênaltis estavam bem analisados. O acordo que tínhamos era esse, houve uma mudança dos batedores, mas agora não é a hora de pensar dessa forma. Deveríamos ter marcado a diferença no Maracanã, quando jogamos com Thiago, um goleiro jovem", comentou.

O goleiro com melhor média de pênaltis defendidos no futebol brasileiro neste ano é o paraguaio Gatito Fernandez, do Botafogo. Para efeito de comparação, ele tem aproveitamento de 61,5%, com oito defesas em 13 cobranças.

A partir de agora, Diego Alves assume o gol rubro-negro no Brasileirão e na Copa Sul-Americana. Ele não estava inscrito na Copa do Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos