Mats Hummels nega influência em demissão de Ancelotti do Bayern

O zagueiro Mats Hummels, do Bayern de Munique, afirmou, em entrevista ao "Bild", que não participou de nenhum motim para derrubar o técnico Carlo Ancelotti. Alguns jornais alemães citaram o jogador entre os atletas que tentaram influenciar a demissão do italiano, que aconteceu após a derrota por 3 a 0 para o Paris Saint-Germain, na grupos da Liga dos Campeões.

- Não tive nenhuma conversa com os jogadores do clube em que falamos sobre qualquer tipo de insatisfação, seja por não ter jogado em Paris. Não faço ideia de onde surgiu esta informação. Ancelotti se despediu na sexta-feira, de maneira muito emocionante - disse Hummels.

Além de Hummels, Arjen Robben, Thomas Muller, Franck Ribéry e Jerome Boateng foram os outros jogadores ligados ao grupo que agiu para conseguir a saída do treinador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos