Receita Federal espanhola acusa Marcelo de fraude fiscal

Na manhã desta terça-feira, os jornais espanhóis noticiaram que Marcelo, lateral-esquerdo do Real Madrid, está sendo acusado pela Receita Federal espanhola por fraude fiscal. A denúncia feita pela a Agência Tributária alega que o problema é devido a regularização de impostos sobre rendimentos de direitos de imagem de 2013. Em 2015, o jogador pagou 400 mil euros (cerca de R$ 1,48 milhões) através de uma empresa em seu nome mas, de acordo com a acusação, deveria ter pago como pessoa física.

Segundo o jornal "El Mundo", a investigação ainda está em andamento para que a denúncia se transforme numa ação judicial. Algo semelhante aconteceu com José Mourinho na época em que treinava o Real Madrid. Mesmo pagando os 3,3 milhões de euros (cerca de R$ 12,21 milhões) devido a rendimentos declarados em 2011 e 2012, o treinador teve o processo reaberto.

Marcelo foi cortado da Seleção Brasileira devido a uma lesão muscular de grau dois na coxa esquerda. Para seu lugar foi chamado Alex Sandro, da Juventus. O Brasil enfrenta a Bolívia fora de casa na próxima quinta-feira, às 17h (Brasília), pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. No último jogo da mesma competição, a Seleção de Tite recebe o Chile, no dia 10 de outubro, às 20h30 (Brasília).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos