Com torcida mirim e Felipe Melo na zaga, Palmeiras empata jogo-treino

Cuca fez diversos testes no jogo-treino desta sexta-feira entre Palmeiras e o time sub-20 do Desportivo Brasil, na Academia de Futebol. A atividade acabou empatada em 2 a 2, mas serviu para o técnico assistir contra um adversário as atuações de Jailson, recuperado da lesão que sofreu no quadril, Felipe Melo como zagueiro e Arouca. Nas arquibancadas, os jogadores dos times sub-8, sub-9 e sub-10 do futsal do Verdão comandaram a festa da torcida, até cantando as músicas com nome dos jogadores e do técnico.

O time começou com: Jailson; Fabiano, Antônio Carlos, Felipe Melo e Egídio; Bruno Henrique, Raphael Veiga e Guerra; Róger Guedes, Keno e Borja. Esta escalação foi mantida no primeiro tempo, de 40 minutos, e teve Veiga como um dos destaques: foi dele o gol que abriu o placar da atividade, além de o meia ter ditado o ritmo da equipe na etapa inicial. Felipe, na defesa, foi bem quando jogou posicionado, e chamou a atenção com a saída de bola qualificada. Mas, no contra-ataque do empate, não conseguiu, assim como o restante da defesa palmeirense, acompanhar a jogada veloz do Desportivo.

Borja, sempre tratado com muita expectativa pela torcida, teve duas oportunidades, uma de cabeça e outra em um chute cruzado, mas as mandou para fora. O camisa 9 chegou a ser derrubado na área, e o árbitro se preparava para dar o pênalti, mas mudou a decisão após o auxiliar apontar o impedimento do camisa 9. Ele jogou toda a primeira etapa.

No intervalo, Cuca mudou todo o time. Jogaram: Jailson (Vinícius Silvestre); Maílton, Luan, Pedrão e Zé Roberto; Arouca e Thiago Santos; Hyoran, Erik e Michel Bastos; Deyverson (Willian). O Desportivo chegou a virar o placar em uma bobeada entre Jailson e Pedrão, mas Michel Bastos, que jogou como ponta, empatou. O camisa 15 teve boa participação no segundo tempo, assim como Deyveron e Hyoran.

Arouca realizou seu primeiro jogo-treino desde que voltou a treinar com o grupo e teve participação discreta. O camisa 5 não disputa uma partida oficial desde janeiro, e no período passou por duas cirurgias no tornozelo esquerdo.

Enquanto acontecia o jogo-treino, os titulares contra o Santos fizeram atividades físicas. Todo o elenco receberá folga no fim de semana e se reapresenta na segunda-feira, às 15h30. A próxima partida será apenas na quinta-feira que vem, contra o Bahia, no Pacaembu, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos