Surtiu efeito! Após foco nos treinos, ataque do Vasco passa a funcionar

No último mês, o Campeonato Brasileiro paralisou duas vezes. Antes da primeira parada, o técnico Zé Ricardo admitiu que tinha de dar atenção inicial para o setor defensivo, pois o Vasco estava sofrendo muitos gols. Focou na paralisação correções no setor e surtiu o efeito.

 

Na segunda parada do Brasileiro, Zé Ricardo passou o foco do trabalho do Vasco para o ataque. Isso por conta de o time finalizar, mas não converter. Na última quarta-feira, diante do Avaí, mais uma vez, o trabalho surtiu efeito. Os dois gols foram feitos nas primeiras três finalizações. Nos 90 minutos, cinco finalizações foram ao gol para os dois que converteram.

 

A sinergia entre os setores, conquistada pelo técnico Zé Ricardo, é um fato de se comemorar. Tanto pelos torcedores vascaínos quanto pelos jogadores presentes no elenco. O meia Nenê, na saída de campo após a vitória, enfatizou essa melhora para a busca de uma vaga na Conmebol Libertadores de 2018.

 

- Melhoramos a finalização, que é o que faltava. No último jogo criamos, tivemos erros que não poderíamos cometer. Diante do Avaí aconteceram os gols, estamos no caminho certo. Realmente foi uma vitória muito importante - afirmou o meia cruz-maltino antes de completar:

 

- Era uma final para nós. Perdemos pontos que não deveríamos em casa. Acho que foi falta no gol deles, mas faz parte. Conseguimos aguentar e tivemos personalidade. Resultado importante para o objetivo de subir e buscar a Libertadores.

 

Com o atual G7 como principal objetivo do Vasco neste fim de temporada, as melhoras efetivamente conquistadas pela equipe nos jogos do Campeonato Brasileiro são fundamentais. Zé Ricardo coloca desta forma o Cruz-Maltino nos eixos pela primeira vez no ano. Em um momento crucial, isso é o que importa.

 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos