Lanternas sofrem... veja as piores campanhas nas ligas europeias

Que os grandes clubes da Europa vivem numa dimensão completamente diferente dos adversários nos respectivos campeonatos nacionais, todo mundo já sabe. Mas a temporada 2017/2018 do futebol europeu está sendo marcada pela terrível fase dos piores clubes do continente.

Veja a situação do Campeonato Italiano: enquanto o Napoli lidera a tabela com 31 pontos após 11 rodadas, o Benevento amarga a lanterna com ZERO pontos somados. É o único clube europeu que ainda não somou pontos na temporada.

Na Inglaterra, o Crystal Palace vive situação similar, e até demitiu seu treinador Frank De Boer após emplacar três derrotas seguidas. Após 10 rodadas, o time soma 4 pontos e segue na última posição da Premier League. Já na Alemanha, o Colônia amarga dois pontos, enquanto o Metz soma apenas três pontos no campeonato francês. Mas os europeus estão tão mal assim?

Comparando aos lanternas do Campeonato Brasileiro de pontos corridos, sim. Desde 2003, quando o sistema de pontuação foi adotado, os lanternas de todos os anos terminaram a temporada com 17 pontos, ao mínimo: em 2007, o lanterna América-RN somava 7 pontos em 10 rodadas, mais do que qualquer lanterna do Velho Continente. Se os lanternas europeus quiserem melhorar sua campanha, precisam jogar bem melhor para alcançar a pontuação dos brasileiros.

Veja a pontuação dos lanternas brasileiros:

2003 - Bahia - 46 pontos

2004 - Grêmio - 39 pontos

2005 - Brasiliense - 41 pontos

2006 - Santa Cruz - 28 pontos

2007 - América-RN - 17 pontos

2008 - Ipatinga - 35 pontos

2009 - Sport - 31 pontos

2010 - Barueri - 28 pontos

2011 - Avaí - 31 pontos

2012 - Figueirense - 30 pontos

2013 - Náutico - 20 pontos

2014 - Criciúma - 32 pontos

2015 - Joinville - 31 pontos

2016 - América-MG - 28 pontos

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos