Arena Corinthians baterá marca no Dérbi, mas ainda sofre para ser paga

A Arena Corinthians baterá uma marca especial no clássico contra o Palmeiras, neste domingo. Pelo terceiro ano seguido, o estádio em Itaquera ultrapassará 1 milhão de pagantes em uma única temporada.

Até agora, em 30 jogos em 2017, o Corinthians contou com 989.617 pagantes, uma média de cerca de 30 mil por partida. Para o Dérbi, já foram vendidos 43.500 ingressos, e o torcedor que adquidiu o milionésimo bilhete terá uma surpresa antes do clássico de domingo.

Apesar dos bons números, o Corinthians sofre para pagar o estádio inaugurado em 2014. No fim de setembro, o clube mostrou aos conselheiros que uma auditoria realizada pela empresa Claudio Cunha Engenharia e Construções diz que a dívida da Arena já chega a R$ 1,3 bilhão.

O Corinthians negocia um novo contrato de financiamento com a Caixa Econômica Federal - prazos e valores ainda estão indefinidos. Desde maio de 2016, o clube paga apenas juros ao banco, após ter sido autorizado a não arcar com as parcelas do financiamento.

Nos 117 jogos do Timão desde a inauguração em 2014, o estádio soma uma renda líquida de quase R$ 131 milhões. Esse valor, contudo, segue sendo revertido para o fundo que administra as contas da Arena, assim como as rendas obtidas com a exploração de outras propriedades, como cadeiras, camarotes e eventos.

Com isso, apesar do apoio da Fiel, o Corinthians sofre para bancar a Arena. Além disso, como não fica com a renda das partidas, o Timão também vive dificuldades financeiras para arcar com os outros diversos gastos no futebol e no clube social.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos