ATUAÇÕES: Fluminense x Coritiba

Fluminense e Coritiba fizeram um duelo movimentado no Maracanã. Em uma partida de nível técnico baixo, as equipes fizeram um duelo de quatro gols na noite desta quinta-feira. Nas atuações do LANCE!, os destaques ficaram por conta do atacante Henrique Dourado, no lado tricolor, enquanto Carleto foi o destaque pelo coxa-branca.

Confira as avaliações

FLUMINENSE

5,5

DIEGO CAVALIERI

Não teve culpa nos gols do Coritiba. Durante os 90 minutos, mais os acréscimos, foi pouco exigido, fazendo apenas duas intervenções.

5,5

LUCAS

Com Rildo e Carleto jogando por ali, o camisa 2 foi exigido na defesa. Não ia bem no ataque, sendo vaiado, mas deu assistência para o Ceifador.

5,0

HENRIQUE

O capitão entrou em campo ciente da força aérea do rival, mas não conseguiu evitar os gols sofridos. No ataque, participou de um gol do Flu.

4,5

RENATO CHAVES

Assim como o companheiro de zaga, não foi bem pelo alto. O camisa 4 acabou envolvido nos gols de cabeça marcados pelo Coritiba.

5,0

MARLON

Não teve falhas gritante, mas estava próximo nos lances de gol do Coritiba. Quando foi à linha de fundo, levou perigo nos cruzamentos.

6,0

MATEUS NORTON

Surpresa na escalação, foi bem fazendo a função de Richard, lesionado. Com o Flu perdendo, acabou subsituído e não voltou para a etapa final.

6,0

DOUGLAS

Atuou com mais liberdade no primeiro tempo, pela presença de Mateus Norton, e foi bem. Foi deslocado na etapa final e caiu de rendimento.

5,0

SORNOZA

Apresentação muito discreta do equatoriano. Parece que ainda não encontrou o ritmo de jogo ideal após a grave lesão no pé direito.

5,5

GUSTAVO SCARPA

Mostrou a iniciativa de sempre, mas não encaixou bons passes na partida. Às vezes, fica sobrecarregado na criação do Tricolor.

5,5

MARCOS JUNIOR

Participou bem dos primeiros 20 minutos de partida. Até apareceu bem na área como um segundo atacante, mas foi saindo do jogo aos poucos.

6,5

HENRIQUE DOURADO

Em uma noite que a bola pouco chegou aos seus pés, fez o que se espera de um centroavante. Chegou ao 17 gol e é o artilheiro do Brasileirão.

5,5

WENDEL

Ao mesmo tempo que melhorou a saída de bola, deixou o meio-campo mais exposto. Se quiser voltar ao time titular, precisa jogar mais.

6,0

MATHEUS ALESSANDRO

Entrou mais uma vez na lateral-direita. Se não tem as qualidades de marcador, não tem medo de driblar e deu trabalho aos adversários.

6,0

WELLINGTON SILVA

Teve sua entrada cobrada pela torcida no Maracanã. Atuou pouco tempo, criando alguns lances, mas ficou claro que não está 100% fisicamente.

5,0

ABEL BRAGA

Equipe, mais uma vez, foi castigada na bola aérea. No ataque, faltou organização. O time abusou dos cruzamentos, inclusive de laterais.

CORITIBA

6,0

Wilson

Antes dos gols sofridos, havia feito duas ótimas defesas.

5,0

Léo

Não avançou ao campo de ataque e não comprometeu lá atrás.

6,5

Werley

Abriu o placar para o Coxa, mas sofreu com a bola aérea defensiva.

5,0

Cleber

Se redimiu do gol contra ao empatar a partida e garantir um ponto.

7,0

Carleto

Muito bem no ataque, participou dos dois gols do Coritiba.

6,5

Jonas

Firme na marcação, não deu espaço para Gustavo Scarpa armar o Flu.

5,5

Alan Santos

Deu uma assistência, mas não participou muito da criação.

5,0

Yan

Até teve boas oportunidades, mas acabou finalizando sem perigo.

5,5

Tiago Real

Pela postura defensiva do Coxa, pouco teve a bola nos pés para criar.

5,5

Rildo

Apagado na etapa inicial, foi substituído quando começava a ter espaço para puxar os contra-ataques.

5,0

Henrique Almeida

Isolado, teve dificuldade para segurar a bola na frente.

6,0

Kléber

Voltou de um longo período de inatividade. Criou problemas ao rival.

5,5

Getterson

Ocupou o meio-campo, sem se arriscar na armação das jogadas.

5,5

Dodô

Entrou já nos minutos finais.

6,0

Marcelo Oliveira

Time jogou por um ponto e não sofreu grande perigo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos