ATUAÇÕES: Marcelo e Danilo roubam a cena em fácil teste contra o Japão

Para superar o Japão, o Brasil entrou no amistoso, realizado nesta sexta-feira, em Lille (FRA), com faca nos dentes e, em 35 minutos, abriu 3 a 0 no placar, com gols de Neymar, de pênalti e com auxílio do árbitro de vídeo, Marcelo e Gabriel Jesus. Na segunda etapa, Markino descontou para os asiáticos, deixando o placar final em 3 a 1.

Os destaques do jogo no Estádio Pierre Mauroy foram os laterais titulares, Danilo e Marcelo. O primeiro, testado no lugar de Daniel Alves, dono da posição, foi muito bem no apoio e deu uma assistência para Jesus, seu companheiro no Manchester City. O segundo, enquanto esteve em campo, marcou um golaço, de direita. Confira todas as notas da Seleção Brasileira:

BRASIL

6,0

Alisson

Pouco exigido, praticamente não trabalhou enquanto esteve em campo, em 45 minutos.

7,5

Danilo

Se não fez gol como o companheiro Marcelo, do outro lado, deu um cruzamento preciso para Gabriel Jesus. Dos testados entre os 11, o que melhor aproveitou a oportunidade dada por Tite

6,0

Thiago Silva

Atuação segura do antigo capitão, mas nada de "monstruoso". Não comprometeu e nem sofreu com o frágil ataque rival.

5,0

Jemerson

Vinha fazendo partida segura até o gol japonês. Errou no posicionamento e perdeu para Makino no alto.

7,5

Marcelo

Manteve o ótimo nível técnico pela Seleção e, de direita, fez um golaço, de fora da área. Saiu no início do segundo tempo, com dores.

6,0

Casemiro

Consistente e bem na saída de bola. Criativo, o meio-campista também foi importante no gol de Gabriel Jesus.

6,0

Fernandinho

Sofreu o primeiro pênalti do jogo, assinalado após consulta do VAR. Cumpriu bem a função na vaga do titular Paulinho.

6,0

Giuliano

Outro que não brilhou, mas foi bem na oportunidade que teve. No fim do jogo, deu lugar ao titular Renato Augusto.

6,0

Willian

Titular na vaga do lesionado Philippe Coutinho, o 14º capitão da era Tite deu resposta positiva e também foi fundamental na linda jogada para o gol de Gabriel Jesus.

6,5

Neymar

Fez um de pênalti, perdeu outro, incomodou a defesa japonesa e levou amarelo bobo. Não participou ativamente como de costume, mas foi bem.

7,0

Gabriel Jesus

Fez o que se espera dele. Marcou um gol ao seu estilo, só com um toque dentro da pequena área. Ainda sofreu o segundo pênalti.

5,5

Cássio

Na sua estreia pela Seleção, mostrou insegurança na primeira bola contra a sua meta. No gol, estava muito recuado, mas nada que manchasse a participação.

5,5

Diego Souza

Não esteve à altura de Gabriel Jesus como referência. Justiça seja feita, a bola também não chegou como chegou para a joia do Manchester City.

5,5

Alex Sandro

Foi chamado para o lugar de Marcelo, que sentiu dores. Esteve bem, mas perdeu uma chance clara, nos últimos minutos, de cabeça.

5,5

Renato Augusto

Dono da posição, teve pouco tempo para apresentar algo. Além disso, o jogo já estava modorrento, em ritmo de treino.

6,5

Taison

Entrou aos 25 do segundo tempo e foi agudo como se esperava. Deixou uma boa impressão a Tite, em meio à briga ferrenha por vaga no ataque.

5,5

Douglas Costa

Em seu retorno à Seleção, teve a missão de substituir Neymar e não foi tão eficiente na frente.

7,0

Téc: Tite

Conforme tinha prometido, seus comandados entraram com espírito vencedor, sem levar em conta o caráter amistoso. Atuação segura do Brasil.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos