Polêmica em Portugal, entenda: Gabigol pode voltar ao Santos?

O dia 28 de agosto de 2016, quando o Santos foi derrotado pelo Figueirense em casa, marcou a despedida de Gabigol do clube que o revelou. Tido como maior revelação do clube após Neymar, o atacante, que vestia a camisa 10, foi comprado pela Inter de Milão (ITA) por R$ 108,5 milhões (29,5 milhões de euros à época) e rendeu ao Peixe R$ 66,2 milhões. Porém, após uma temporada na Itália, não rendeu o esperado e não foi aproveitado como gostaria, resultando em um empréstimo para o Benfica (POR), em setembro. Dois meses depois, o atacante foi utilizado em apenas quatro jogos e já repensa seu futuro.

Afinal, qual a situação de Gabigol no momento?

BENFICA (POR)

Os portugueses não tem apego ao brasileiro de 21 anos, ou seja, aceitam que sua passagem pelo Estádio da Luz se encerre em dezembro, quando é reaberta a janela de transferências. O salário do atacante é bancado em sua maior parte pela Inter de Milão (ITA), com quem tem contrato até 2021.

Pelo técnico Rui Vitória, foi utilizado em quatro jogos de diferentes ligas, totalizando 148 minutos.

INTER DE MILÃO (ITA)

A decisão de emprestar Gabriel para o Benfica (ITA), outro clube grande da Europa, mas de menor poder financeiro, foi tomada para que o atacante pudesse adquirir mais experiência no Velho Continente já que, na teoria, teria menos concorrência em Lisboa.

Um empréstimo para o Brasil não agrada os italianos pois tem outra conotação. Eles acreditam que no Santos ou me outro clube da Série A do Brasileirão, o aprendizado de Gabigol não seria o que ele necessita para evoluir na Itália, já que as cobranças em relação à tática são outras, assim como o calendário, que também é diferente.

SANTOS

O maior interessado deveria ser o Santos, que tem mais chance do que nunca nos últimos 15 meses em repatriar seu ex-camisa 10, porém, a diretoria sabe que os custos podem ser mais altos já que não convém à Inter de Milão que seu jogador atue fora da Europa. Sendo assim, o Peixe teria que desembolsar um valor maior do que paga a seus atletas se tivesse que arcar com metade dos vencimentos de Gabigol, por exemplo. Em seu contrato com a Inter, os valores chegam a aproximadamente R$ 14 milhões por temporada. Até o momento, não houve contato do Alvinegro com os italianos.

GABIGOL

O estafe do jogador não tem intenção de que ele continue no Benfica, pois não está sendo aproveitado como o planejado. Um retorno ao Brasil não está descartado, porém, não é a prioridade e para que isso acontecesse, seu salário não poderia deixar de ser pago com os mesmos valores que o campeão olímpico recebe atualmente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos